Home

Atualizações
Colunas
Críticas

Projetos

Adote Uma Ideia
Leitor Criativo
Quiz Criativo
Songfics

Informativo

Destaques
Vagas abertas
Torne-se VIP

VOCÊ SABIA? As atualizações são anunciadas diariamente pelo nosso twitter. Siga o perfil para saber quais histórias foram atualizadas!

⥃ CONFIRA ATUALIZAÇÕES PASSADAS

Histórias Vip
  1. Be, por por Ray Dias
    | K-Pop, BTS, Andamento
  2. Sight, My Sight, por M-Hobi
    | K-Pop, Seventeen, Restrita, Andamento
  3. ENTRE LOBOS E HOMENS, por Ray Dias
    | Livros, Crepúsculo, Andamento
  4. Negócios Escusos, por Fe Camilo
    | Original, Restrita, Andamento
  5. Hearts on Lease, por Betiza
    | K-pop, GOT7, Andamento

Uso do o mesmo/a mesma
|| quarta-feira 14 de outubro de 2020 às 18:30 - Comentários
|| Arquivado em: Colunas

É, eu sei, eu sei. Você está careca de saber como usar sinônimos para deixar o texto mais fluido. Até prestou atenção nas minhas dicas dessa coluna explicando como usá-los para caracterizar seu personagem. Porém, hoje eu trago um termo que é utilizado exaustivamente nas redações do ENEM e nas histórias fictícias por aí a fora: o mesmo/a mesma. Você escreveu ou leu alguém escrever algo como a frase abaixo?

“Fernanda estava comigo na festa. A mesma bebeu mais do que o recomendado.”

Já leu, não é? Mas me diz… Você encontrou o erro? Se sim, com certeza já deve ter uma noção do que eu vou falar. Se não, venha comigo!


Antes de mais nada, quero classificar os termos.

“O mesmo” é usado para representar igualdade:

“Falar com Breno é mesmo que nada.

Mas também funciona como pronome demonstrativo. É aí que muitos caem: tratam-o como pronome pessoal, igual ao exemplo acima, e estrabolha a gramática normativa.

Esse pronome demonstrativo indica o espaço ou lugar que a pessoa ou objeto se encontra. Também funciona para referenciar uma frase, fato ou algo dito anteriormente. Exemplos práticos são este, aquele e isto.

Usamos ‘o mesmo/a mesma’ quando o objetivo é retomar uma informação; mas, espere aí! Não use como pronome pessoal. O termo não pode ser empregado como sujeito da frase, uma substituição por ele/ela, que aparentemente todo mundo tem medo de escrever. Se fôssemos corrigir o primeiro exemplo do post ficaria assim:

“Fernanda estava comigo na festa. Ela bebeu mais do que o recomendado.”

Outro exemplo, dessa vez usando ‘o mesmo’:

“Eu amo minha mãe e eu espero o mesmo sentimento dela.”

Percebe que esse mesmo é um tipo de elipse para que não se repita a informação dada na oração anterior? Percebe também que ele é acompanhado de um substantivo para não criar ambiguidade na oração? Trago outro exemplo:

O que você vai querer?
O mesmo que ela.”

Nesse caso “o mesmo” tem como significado igualdade de um pedido dito antes, equivale “a mesma coisa”.


DICA!

Sabe um teste que funciona em quase 100% dos casos para descobrir se é melhor usar “o mesmo” ou o pronome pessoal “ele”? Substitua as palavras por isto/este/esta. Se a frase continuar a fazer sentido, o uso do pronome demonstrativo está correta! Se não, você deve reescrevê-la, utilizando ‘ele’, ‘ela’, ‘o qual’, ‘a qual’ e etc.

Bem, é isso. Espero que a coluna tenha ajudado você. Até mais!

Coluna por Maraíza Santos




0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x