Home

Atualizações
Colunas
Críticas

Projetos

Adote Uma Ideia
Leitor Criativo
Quiz Criativo
Songfics

Informativo

Destaques
Vagas abertas
Torne-se VIP

VOCÊ SABIA? As atualizações são anunciadas diariamente pelo nosso twitter. Siga o perfil para saber quais histórias foram atualizadas!

⥃ CONFIRA ATUALIZAÇÕES PASSADAS

Histórias Vip
  1. Garota S, por Natashia Kitamura
    | Outros, Restritas, Finalizada
  2. Beyond Resemblance, por Betiza
    | Original, Restrita, Andamento
  3. Black & Diggory, por Reh
    | Livros, Harry Potter, Andamento
  4. The Most Beautiful Thing, por Liv
    | K-pop, Seventeen, Andamento
  5. Pulsação, por Betiza
    | Original, Andamento

Qual é a ordem dos adjetivos?
|| sexta-feira 12 de abril de 2024 às 15:50 - Comentários
|| Arquivado em: Colunas, Postagens

– Por Fe Camilo.

Olá, pessoal!

Hoje estou aqui com a missão de esclarecer mais um assunto gramatical que gera certa confusão tanto nos escritores quanto nos leitores, o que pode dificultar a compreensão da história. Minha intenção é discorrer sobre a ordem correta de posicionar os adjetivos nas frases.

 

Para iniciar, gostaria de esclarecer – para aqueles que tem a memória curta como eu – que adjetivos são palavras que caracterizam um substantivo, lhe dando uma qualidade, característica, aspecto ou estado. Alguns exemplos são: bonita, inteligente, engraçado, largo, novo, amassado, redondo etc.

Em relação à posição dos adjetivos na frase, existe uma mudança de sentido a depender de onde você o posiciona (antes ou depois do substantivo), porém gostaria de ressaltar que não há nenhuma regra em relação à sequência dos adjetivos quando se utiliza mais de um. Ou seja, não há diferença em sentido se a frase for:

Ela é uma moça linda, inteligente e fofa OU Ela é uma moça inteligente, fofa e linda.

Portanto, o foco dessa coluna será quando e por qual razão utilizar o adjetivo antes ou depois do substantivo. E para começar, gostaria de pontuar que por vezes o uso do adjetivo antes ou depois do substantivo não altera o significado da frase, apenas dá ênfase ao que está sendo dito, assumindo um valor mais subjetivo, como nos exemplos abaixo:

Ele é um bom rapaz./ Ele é um rapaz bom.
Esse é um triste dia./ Esse é um dia triste.
Veja esses verdes campos!/ Veja esses campos verdes!

Estando essa parte esclarecida, vou mostrar três situações em que devemos utilizar os adjetivos pospostos ao substantivo e três situações nas quais devemos utilizá-los antepostos ao substantivo. No primeiro caso (após o substantivo), podemos fazê-lo da seguinte maneira:

  • os adjetivos de natureza classificatória, como os técnicos e os de relação, que indicam uma categoria na espécie designada pelo substantivo: animal doméstico, água mineral, deputado federal, flor silvestre.
  • os adjetivos que designam características muito salientes do substantivo, tais como a forma, dimensão, cor e estado: terreno plano, calça preta, caixa retangular, homem alto.
  • os adjetivos seguidos de um complemento nominal: uma receita fácil de fazer, um requisito necessário ao cargo.

No segundo caso (antes do substantivo), devemos seguir essas regras:

  • os superlativos relativos: a melhor casa, o pior emprego, o maior sonho, o menor salário.
  • certos adjetivos monossilábicos que formam com o substantivo expressões equivalentes a substantivos compostos: bom dia, hora.
  • adjetivos que nesta posição adquiram sentido especial, diferente de quando o posiciona após o substantivo. Compare: Ele é um simples professor [=mero professor/insignificante]. / Ele é um professor simples [=sem luxo].  / Ele é um amigo velho [=amigo idoso]. / Ele é um velho amigo [=amizade antiga].

Por fim, o adjetivo anteposto pode ser também utilizado para dar um sentido figurado à frase. Veja os exemplos a seguir:

Ele é um grande homem! [=grandeza figurada]
Ele é um homem grande! [=grandeza material]
Uma pobre mulher. [=uma mulher infeliz]
Uma mulher pobre. [=uma mulher sem dinheiro/recursos]

Sei que parecem ter um montão de regras, mas muitas delas são quase naturais devido ao uso cotidiano, portanto minha dica é: releia o que foi escrito para ter certeza de que o uso do adjetivo na ordem colocada faz sentido e – principalmente –  se denota o sentido que você deseja para a frase. Na maioria das vezes, uma nova leitura faz toda a diferença na correção desses errinhos simples.

Espero ter ajudado e até a próxima! 😉

AJUDE-NOS A MELHORAR! AVALIE ESTA COLUNA:




0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x