Home

Atualizações
Colunas
Críticas

Projetos

Adote Uma Ideia
Leitor Criativo
Quiz Criativo
Songfics

Informativo

Destaques
Vagas abertas
Torne-se VIP

VOCÊ SABIA? As atualizações são anunciadas diariamente pelo nosso twitter. Siga o perfil para saber quais histórias foram atualizadas!

⥃ CONFIRA ATUALIZAÇÕES PASSADAS

Histórias Vip
  1. Be, por Ray Dias
    | K-Pop, BTS, Andamento
  2. Mafia's Paradise, por Pâms
    | Original, Andamento
  3. Sight, My Sight, por M-Hobi
    | K-Pop, Seventeen, Restrita, Finalizada
  4. Entre CEO's, por Ray Dias
    | Artistas, Woo Do Hwan, Restrita, Andamento
  5. Lady Lewis, por Pâms
    | Séries, Bridgerton, Finalizada

Inspiração: Unkiss Me de Maroon 5
|| terça-feira 15 de dezembro de 2015 às 15:09 - Comentários
|| Arquivado em: Colunas

Sobre a banda: A história do Maroon 5 começou na época do colegial, em Los Angeles, na Califórnia. Os integrantes eram amigos, tinham 17 anos, e resolveram montar uma banda, inicialmente chamada de Kara’s Flowers.
Um ano após o seu primeiro show, em 1995, o grupo começou a ser muito procurado pela indústria fonográfica e, depois, assinou contrato com a Reprise Records. Com o nome Kara’s Flowers, a banda lançou o seu disco de estréia, The Fourth World.
Seguindo uma temporada decepcionante com seu primeiro CD, The Fourth World, Kara’s Flowers terminou seu contrato com a gravadora em 1999. O plano A foi por água abaixo, deixando o quarteto pensando no futuro.
Levine e Carmichael colocaram o plano B em ação nos dormitórios da faculdade de Nova York. Nos corredores, tocavam música Gospel e as pessoas escutavam músicas inéditas.
Em 2014, o Maroon 5 lançou o álbum ‘V’ com os sucessos ‘Maps’, ‘Sugar’ e ‘Animals’, que gerou polêmica após ter seu clipe divulgado. O vídeo mostra o vocalista da banda, Adam Levine, em uma cena de sexo com sua esposa Behati Prinsloo na qual ambos são banhados de sangue. ‘Maps’, por sua vez, chamou atenção pelo final trágico de seu videoclipe.
Fonte

Sobre a música: Escrita por Adam Levine, Johan Carlsson e Ross Golan, fazendo parte da tracklist do último album da banda, vulgo V, Unkiss me se trata de um desabafo, onde o eu-lírico expõe seus sentimentos sobre o término de sua relação. Com um nome sugestivo, a música repete diversas vezes para que não lhe beije ou o toque mostrando sua repulsa à volta do relacionamento amoroso. Frases como “não se pode acender o fogo de uma vela derretida” ressalta que a chance deles voltarem é nula; as atitudes do seu parceiro fora uma grande decepção para ele.

Dicas:
1- FELIZES PARA SEMPRE NEM SEMPRE É UM BOM FINAL

Quantas vezes você não leu uma história onde o casal principal tem tantos problemas, tantas traições, tantas idas e voltas a ponto de você torcer para o casal não ficar junto no final? Isso é resultado de uma história cansativa, repetitiva e genérica. Ás vezes o “felizes para sempre” não é o final ideal. Já pensou em um mundo onde sempre há casamento e filhos como fim ter no lugar um casal terminando de vez sua relação? Não seria uma quebra de padrões?

2 – NEM TODO AMOR É RETÓRICO

Durante a música o eu-lírico cita sua ilusão em achar que seu parceiro sentia a mesma coisa que ele. Seria algo legal para se aprofundar em um enredo, afinal, não é em todos os relacionamentos em que o amor é intenso entre os dois. Já ouviu a frase “eu não quero ser o que ama mais na relação.”? Explorando esse lado podemos tirar uma boa história sobre como amar pode ter suas diferentes formas e aspectos.

3 – UM REAL MOTIVO PARA O FIM DE RELACIONAMENTO

Para se colocar um fim em algum relacionamento não é preciso que alguém traísse seu parceiro. Perdi as contas das diversas histórias em que o único motivo para que o casal terminasse o namoro sempre foi a traição. Fuja desse clichê! Ás vezes apenas uma atitude pode colocar um relacionamento em risco. Aprofunde-se!
Não postarei sugestões de livros onde o casal não fica junto no final por causa do spoiler, mas, caso queira alguma indicação, pode entrar em contato comigo.

Até mais!

Maraíza Santos.





0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x