Li Santos
Visite o Perfil

Status

Loading

Avalie

Este texto não foi revisado
Encontrou algum erro? Clique aqui

Esta história não possui capas prévias (:

Sem curiosidades para essa história no momento!

United Sparrows

Spin-off de MICROCOSM – Capítulo 14

  Hoje é um dia especial.
0
Comente!x

  O clima está agradável, apesar de ser verão e estar bastante quente, mas está ventando, o que é um grande alívio.
0
Comente!x

  O show finalmente acaba e os rapazes voltam para o meet com os fãs. adora passar horas e horas conversando com os fãs, é a segunda parte favorita dele em relação aos shows. Mas hoje, especificamente, ele quer que o encontro acabe logo, pois ele tem outro encontro para fazer.
0
Comente!x

  Nesse momento, a atenção dele está totalmente voltada para a moça em pé do outro lado do ambiente. Apesar de estar assinando a camisa de um fã, o olhar de se direciona involuntariamente até a figura de , que está conversando com sua amiga e cunhada de .
0
Comente!x

  Um dos martírios do mais velho é ele ter sido convidado por sua cunhada para ser padrinho de seu filho e convidado por seu irmão para ser padrinho de casamento deles. Isso porque a madrinha será a e, na época do convite, eles estavam, digamos, afastados.
0
Comente!x

  Para resumir, é fã de , assim como sua melhor amiga e atual cunhada do rapaz; no dia do aniversário de , foi à festa e eles acabaram ficando juntos, mas, por motivos de covardia dele, ambos se afastaram. Meses se passaram e ignorava de todas as maneiras possíveis, até o momento em que a moça desistiu de esperar por ele e resolveu seguir sua vida.
0
Comente!x

  Durante esse tempo, o homem se acovardou e se acobertou por trás de sua melancolia em não entender o que realmente sente por ela. Ele tentou se reaproximar, mas ela não quis, sempre fugia dele até o dia em que eles se encontraram por acaso numa boate e ficaram juntos de novo, um ano depois do primeiro encontro.
0
Comente!x

  Foi o momento chave para que percebesse que realmente a ama.
0
Comente!x

  Hoje, meses depois do beijo na boate, o homem deu um buquê de flores para ela e, depois de uma conversa, decidiram sair novamente, com calma, sem compromissos, apenas para voltarem a ter uma relação amistosa. quer que seja exatamente assim, que seja uma noite agradável para ambos.
0
Comente!x

  Ele mal vê a hora.
0
Comente!x

  O meet com os fãs é finalizado e finalmente e podem sair para o encontro deles. Ele caminha até a moça, pede licença ao irmão e a cunhada e leva , segurando-a pela mão, até a saída do camarim.
0
Comente!x

  Eles fazem o caminho até o estacionamento, onde está o carro dele, em total silêncio. O homem abre a porta do carro para que ela entre, após entrar e colocar o cinto, ela o vê dar a volta e fazer o mesmo no lugar do motorista.
0
Comente!x

   sempre foi um homem indeciso, em todos os sentidos e em tudo que fazia, desde criança. Isso o fez perder muita coisa. Uma grande decepção amorosa, quando jovem, o fez se fechar para o amor.
0
Comente!x

  Ele apenas teve aventuras passageiras, muitas apenas por ser famoso, muitas apenas por ter um beijo quente, muitas apenas por uma noite de prazer. Mas, quando beijou pela primeira vez, há mais de um ano, ele sentiu algo totalmente diferente.
0
Comente!x

  Talvez algo parecido com o sentimento que tinha pela sua decepção amorosa de jovem, talvez algo mais forte. Talvez tenha sido o amor que ele achou que nunca sentiria por ninguém.
0
Comente!x

  O jantar entre eles está bastante agradável e eles estão conseguindo conversar sem nenhum mal vir à tona. Nesse momento, estão na sobremesa.
0
Comente!x

  — Então você tinha fotos nossas penduradas nas paredes do quarto? — comenta enquanto leva mais uma colherada de sorvete até a própria boca.
0
Comente!x

  — Sim — responde , tímida. — Meu caderno, na época, também tinha algumas fotos, mas… — ela para por um instante ficando ainda mais tímida.
0
Comente!x

  — Tinha fotos minhas lá também? — ela olha para ele.
0
Comente!x

  — Tinha — responde com um sorriso sem jeito e resolve comer mais de seu pudim. solta uma risada abafada.
0
Comente!x

  — Tem calda na sua boca — comenta ele e pega seu guardanapo, prontamente esticando-o até a boca de para limpar a sujeira. — Pronto — ele diz e volta a se ajeitar na cadeira, pondo o guardanapo de volta em seu colo.
0
Comente!x

  — Obrigada, — ela diz e volta a comer.
0
Comente!x

  — Está bom o pudim? — ele diz aleatoriamente, notando que o teor da conversa e seu gesto de segundos atrás a fez ficar ainda mais sem jeito.
0
Comente!x

  — Sim, está delicioso — responde. — Seu sorvete também está bom?
0
Comente!x

  — Muito — ele sorri e eles voltam a comer em silêncio.
0
Comente!x

   nunca soube muito como continuar uma conversa, na verdade, ele nunca precisou, pois sempre estava beijando a pessoa ou fazendo outras coisas. Mas, com , a conversa flui naturalmente, seja para falar da banda, de projetos futuros de ambos ou até mesmo de seus sentimentos um pelo outro. Bom, essa parte está implícita, mas ele pretende externar em breve.
0
Comente!x

[…]

   aperta o interruptor da sala e a luz se acende iluminando o local. Ambos estão na casa dele agora para uma saideira após o jantar. Ele joga as chaves do carro e a de casa na mesinha que fica em frente à porta, deixando ali embaixo seus sapatos.
0
Comente!x

   faz o mesmo e entra acompanhando o homem casa adentro. Está tudo da mesma maneira de um ano atrás, quando esteve ali pela primeira vez para comemorar o aniversário de e o beijou no sofá onde eles se sentam agora.
0
Comente!x

  — A casa está arrumada — diz num tom surpreso.
0
Comente!x

  — Achou que a casa estaria uma bagunça só porque estou morando sozinho agora?
0
Comente!x

  — Não é isso,
0
Comente!x

  — Na verdade, a casa era bagunçada antes quando meu irmão também morava aqui — comenta ele e ambos riem. Realmente, o irmão mais novo de é bastante bagunceiro.
0
Comente!x

  — É, já comentaram comigo que ele é bem bagunceiro — diz referindo-se a sua amiga.
0
Comente!x

  — Pois é, meu irmão é impossível, coitada da minha cunhada — ele diz fazendo rir abertamente. — Seu sorriso é lindo — comenta ele também sorrindo e ela sente o rosto ruborizar.
0
Comente!x

  — Obrigada, … — Toda vez que ele comenta algo sobre ela, elogiando-a, ela fica dessa forma: extremamente envergonhada e sentindo o coração saltar-lhe pela boca.
0
Comente!x

  Ele senta mais próximo a ela, virando o corpo de lado para poder vê-la melhor. passa as costas de seus dedos na bochecha dela, o toque suave dele faz a pele dela arrepiar-se e ela se sente cada vez mais vontade de fazer o que confessou a sua amiga dias atrás.
0
Comente!x

  Mas, no mesmo instante que ela aproxima o rosto na direção de , ela o vê fazer o mesmo e os lábios se tocam num beijo. Mais uma vez, é transportada diretamente há um ano atrás, nesse mesmo sofá, quando beijou pela primeira vez. E está tudo acontecendo igual naquela vez.
0
Comente!x

  As mãos de estão rondando as costas de e apertando-as para mais perto de seu corpo. O calor emitido por ele a aquele e a entorpece também. O cheiro dele está impregnado em suas narinas agora.
0
Comente!x

  Diferente da última vez, quando interrompeu o beijo quente que dava em para fugir das sensações que teve naquele dia, ele interrompe o beijo para levá-la até seu quarto.
0
Comente!x

  Ele a carrega no colo, já em seu quarto, e a coloca com cuidado em sua cama. Antes de subir nela, retira seu relógio, corrente e sua jaqueta, junto com sua camisa. já está sem seu casaco e observa o homem engatinhar até ela, passando por cima de seu corpo, forçando-a a deitar-se na cama.
0
Comente!x

  Apoiando a cabeça no travesseiro, a moça sente o corpo ainda um pouco tenso, sente também o peso do cair devagar sobre ela e os lábios carnudos do homem tocarem os seus com ferocidade e paixão. Sem esperar, sobe com as mãos por dentro da blusa de e retira a peça em seguida, fazendo o mesmo com a própria camisa. Ele volta a beijá-la e sente o corpo dela tremer, interrompendo o beijo.
0
Comente!x

  — Você está bem? — indaga ele, encarando a moça.
0
Comente!x

  — Estou… Eu acho — ela responde sem muita convicção. Seu corpo e mente querem muito se entregar a , mas tem algo que a impede de fazê-lo.
0
Comente!x

  — Tem algo incomodando você, não tem? — questiona .
0
Comente!x

  — E-Estou nervosa. É a nossa primeira vez e você ainda é meu ídolo… — confessa ela, tímida.
0
Comente!x

  — -chan… — ele diz, carinhoso, e acaricia o rosto dela. — Tenta não pensar em mim agora como seu ídolo, tá? Eu sou o , homem apaixonado por você.
0
Comente!x

  — Apaixonado?
0
Comente!x

  — Eu te amo, -chan, eu te amo — confessa ele com sinceridade, sentindo o peso da indecisão sair de cima dele por completo. A melhor sensação que ele teve até então.
0
Comente!x

   sempre se sentiu como se estivesse afogando em sua própria solidão, uma sensação que ele detesta se lembrar, mas que o fez enxergar que ele precisava sair daquela situação com urgência, antes que o pior acontecesse. Por outro lado, também sentia o mesmo, antes mesmo de se envolver com , a mesma sensação sufocante e amedrontadora.
0
Comente!x

   puxa o rosto do homem e o beija devagar, mas logo o beijo doce se torna um beijo intenso e extremamente apaixonado. As mãos da moça vão diretamente no botão da calça do homem que faz o mesmo com a calça dela, desabotoando-a.
0
Comente!x

  A rapidez com que tiram as peças impressiona ambos que voltam a se beijar, novamente com muita ferocidade e desejo. Ambos os corpos pedem o ato a seguir, ambos os corações pedem essa união.
0
Comente!x

  O homem se levanta por um instante para pegar um preservativo e aproveita para retirar sua cueca e colocar em seu membro. Ele volta a engatinhar na cama e para o rosto na altura da calcinha de que o encara com um misto de desejo e vergonha. Ele puxa a calcinha dele devagar enquanto trilha um caminho de beijos pela coxa da moça que sente o corpo perder o controle aos poucos, pedindo mais daquilo, pedindo dentro dela.
0
Comente!x

  O volta a deitar-se sobre e a encara sorrindo. De repente, ele também se sente nervoso, afinal é a primeira vez deles. jamais se sentiu assim antes, mas, quando se está apaixonado, é diferente. Ele mesmo disse isso para o irmão, quando ele confessou que havia dormido com sua noiva e se sentido extremamente realizado. É, estar apaixonado faz a diferença na hora do sexo, afinal.
0
Comente!x

  Ao introduzir seu membro na intimidade de , com certa dificuldade pela tensão de ambos, sente o corpo arrepiar-se e a emoção toma conta dele que sente vontade de chorar, algumas lágrimas se formam em seu olhar. Ele percebe que sente o mesmo e abraça a moça com carinho, beijando-a com amor.
0
Comente!x

  Fazendo movimentos controlados, ele começa a sentir que está relaxando aos poucos e também começa a relaxar o próprio corpo, permitindo-se deitar com mais conforto sobre o corpo quente da moça que logo começa a produzir as primeiras gotas de suor.
0
Comente!x

[…]

  O casal já está mais à vontade, agora que se passaram alguns minutos desde que começaram o ato sexual. consegue erguer uma das pernas enquanto investe seu membro com certa força, ainda que tímida, na intimidade dela, que solta gemidinhos de prazer próximo ao ouvido dele. Tal ato o faz se empolgar ainda mais.
0
Comente!x

  O homem afasta os cabelos do pescoço dela e beija o local, dando pequenas sugadas com sua boca ali, o que faz a mulher soltar um gemido mais alto dessa vez. a encara assustado achando que a machucou. Tal ato a faz rir.
0
Comente!x

  — Está tudo bem, — diz ela com a voz risonha, mas ainda doce como sempre. Ele suspira aliviado.
0
Comente!x

  — Me assustou — confessa ele e também sorri. — Se quiser experimentar algo, me fala, tá?
0
Comente!x

  — Tipo o que?
0
Comente!x

  — Não sei, alguma posição diferente…
0
Comente!x

  — Você quer tentar algo, não quer? — indaga ela e solta uma risada nasal. — Tenta, , eu quero.
0
Comente!x

  Após o aval da moça, sorri e retira seu membro de dentro dela e senta-se com as costas apoiadas na parede atrás da cama.
0
Comente!x

  — Senta aqui. — Ele aponta para o próprio membro e ri.
0
Comente!x

  — Acho que é um bom lugar para que eu me sente agora…
0
Comente!x

  Ela diz, normalmente, mas ouve de uma maneira diferente. Uma maneira bem sexy.
0
Comente!x

  Ele vê a moça se ajoelhar e passar uma das pernas por cima dele, apoiando do outro lado e segurando o membro dele com cuidado. O toque da mão dela faz ele suspirar. encaixa o membro de na entrada de sua intimidade e, aos poucos, vai sentando até que ele esteja totalmente introduzido dentro dela.
0
Comente!x

  Ambos soltam um suspiro de prazer e, assim que ela se senta no colo dele, agarra a cintura da moça e a puxa para mais perto, beijando-a novamente. Com movimentos indo e vindo, para frente e para trás, sente o membro do homem ir e vir dentro dela, ereto, firme e extremamente prazeroso.
0
Comente!x

  Ela começa a acelerar os movimentos e se afasta um pouco para encarar que tem uma expressão de prazer estampada em sua face, ele aperta a cintura dela e ajuda a moça em seus movimentos em cima de seu colo.
0
Comente!x

  Recostando a cabeça na parede, o homem ofega tentando controlar seu orgasmo que, assim que sentou em seu colo, quer estourar dentro da moça. Está difícil para ele, mas ele não quer que acabe tão rápido assim, não na primeira vez deles.
0
Comente!x

  — Te amo,
0
Comente!x

  O sussurro de faz abrir os olhos e erguer a cabeça, voltando a abraçar a moça, beijando-a com todo seu amor em seguida. As unhas de cravam nas costas dela, subindo e descendo, acelera mais os movimentos e começa a quicar no membro de o que faz o homem urrar de prazer.
0
Comente!x

  As mãos dele vão diretamente nos cabelos de e os puxa para trás com cuidado para não machucar. Sem mais se controlar, o homem deixa seus instintos o guiaram de agora em diante. E eles o pedem para deixar o sentimento fluir e dominar todos os atos do homem.
0
Comente!x

  Ele volta a abraçar o corpo de e a beija com desejo, puxando os lábios dela durante o beijo. A moça solta gemidos de prazer e sente as pernas bambearem assim que aperta com força sua cintura e solta um urro que indica que seu orgasmo foi liberado. Ela puxa o rosto dele para si e o beija novamente, depois desce a trilha de beijos pelo pescoço do homem que geme com o ato, se arrepiando por inteiro.
0
Comente!x

  Minutos após, também chega ao seu orgasmo. Ambos se rendem ao cansaço e se deitam na cama, abraçados.
0
Comente!x

[…]

  O corpo quente de aconchegado dentro do abraço de faz ambos sentirem-se no paraíso. Após negar o seu amor pela moça, por mais de um ano, hoje ele pode dizer que está amando de verdade.
0
Comente!x

  A decepção que ele teve no passado o fez se tornar um homem fechado e sério demais, que só conseguia se abrir com pessoas muito íntimas e seletivamente. Ter ali é algo que ele desejou durante esse período em que tentou convencê-la de seu amor e de que era real o sentimento. Ter em seus braços é tudo que quer sentir para sempre. E o amor que tem por ela e ela retribui, é tudo que ele quer sentir, é tudo que ele sempre quis ter.
0
Comente!x

  Agora eles estão unidos como dois pardais, que voam juntos no horizonte ensolarado.
0
Comente!x

“Está tudo bem, não estamos sozinhos agora
Só você pode se libertar da gaiola de seus pensamentos
Só eu posso me libertar da jaula dos meus pensamentos
Pardais Unidos”
United Sparrows, FLOW

Fim

  Nota: “United Sparrows” era um projeto que eu ia escrever mais pra frente, ia ser um spin de MICROCOSM também, mas provavelmente do casal principal. Porém, quando eu estava escrevendo o capítulo 14, eu vi que o fato dele ter chamado ela para sair daria uma boa história secundária, daí surgiu US.
  O clipe da música mostra duas pessoas na água como se estivessem se afogando, peguei a analogia deles estarem “se afogando em solidão” e inseri em US. Acho que ficou bom, gostei do resultado. Espero que também tenham gostado e convido a todxs a lerem MICROCOSM (e minhas outras histórias também hehe)
  <3 Beijos e até a próxima!

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Lelen
Admin
10 meses atrás

Arre que esse casal aconteceu, né JHAAHHA
Deu tudo certo e é o que importa INASDONAOPD

Li Santos
Li Santos
10 meses atrás
Reply to  Lelen

Demorou uma vida e muita enrolação, mas veio aí!


You cannot copy content of this page

2
0
Would love your thoughts, please comment.x