Status

Loading

Avalie

Este texto não foi revisado
Encontrou algum erro? Clique aqui

Esta história não possui capas prévias (:

Sem curiosidades para essa história no momento!

Trouble

“Preso entre dúvidas, sob o efeito de hipnose. Por favor, não me deixe acordar, você é uma boa amante… Gestos frios e voz suave, é como um rio, você consegue me controlar facilmente.”

  Jungkook’s POV:

  - Você é meu sonho que virou realidade ! Quebrado e despedaçado, um fantástico problema… Não importa a forma, é sempre uma armadilha! O mundo está girando, nele estamos nós…
0
Comente!x

  Silêncio, apenas a fumaça do cigarro dela preenchia o cômodo. Me livrei do grande edredom branco que nos cobria e bufei alto. Outra vez o silêncio. Ela não se compromete: nem comigo, nem com os outros.
0
Comente!x

  - JK! – ela bufou de volta enquanto eu vestia a minha cueca –
0
Comente!x

  - O que ? Porra! Você me enlouquece! Me faz perder a cabeça! Essa porra toda…
0
Comente!x

  - Essa porra toda precisa ser assim! Você sabe meu bem!
0
Comente!x

  - Precisa ser assim porque você quer que seja assim para sempre ! Escondido…
0
Comente!x

  - Não é escondido! – senti as mãos dela em minhas costas –
0
Comente!x

  - Não é escondido? Então porque não enfrentamos tudo e você me assume para todo mundo e eu também? Dia e noite, me deixando ao avesso ! Meu equilíbrio acabou, pois encontrei você. Assim que olho em seus olhos…
0
Comente!x

  Eu me virei encarando os olhos cor de mel da mulher a minha frente.
0
Comente!x

  - Que meus olhos o que? – ela roçou o nariz no meu –
0
Comente!x

  - Vou ajustar meu ritmo às suas ondas, amor! Mergulhando em seu corpo, me molhando em você… Estou me inebriando com você !
0
Comente!x

  Nossos lábios se juntaram em um beijo urgente, e então eu envolvi minhas mãos em seus cabelos, puxando-os com força enquanto voltava com ela para a cama.
0
Comente!x

“Amor, você é minha deusa, fogo da minha alma! Quero estar em seus braços eternamente. Garota, você é um problema! Quando estou com você…”

  Quando eu me sentei na beirada da cama o beijo foi partido por que se ajoelhou entre meio as minhas pernas já abertas, as mãos dela voaram para a minha boxer e então logo a mesma estava descendo por entre minhas pernas. Eu a encarava nos olhos, esperando ansioso pelos próximos passos dela enquanto sentia meu membro começar a voltar à vida. Bastava um único toque ou beijo de que meu corpo inteiro reagia a ela com força, era assim desde que nós dois havíamos nos tocado pela primeira vez quando ainda éramos dois adolescentes inocentes…
0
Comente!x

  Me lembro de pensar naquela época que nós dois conseguiríamos passar tudo! Me lembro dos planos que fazíamos: da nossa formatura no colégio, depois nossa formatura na faculdade, aí o noivado, depois o casamento e finalmente, nossos filhos! Achávamos que seríamos invencíveis, que nada, nem o ódio que nossas famílias nutriam uma pela outra há séculos poderia nos separar! Bom, ainda estávamos juntos desde então, de fato. Mas as famílias não faziam ideia do que nós dois tínhamos e sentíamos um pelo outro.
0
Comente!x

  Tantos e tantos anos que nos relacionamos escondido… os meus amigos não sabiam, as amigas dela também não, absolutamente ninguém sabia! E eu por diversas vezes quis jogar tudo para o alto, me arriscar e levar o tiro: quantas vezes não quis contar tudo e fugir para longe com a ! Meu Deus, quantas e quantas vezes eu já quase não arrisquei tudo? E quantas e quantas vezes nós dois já não havíamos brigado, terminado e voltado pelo mesmo motivo? era um problemão! Uma garota problema… e não só por causa das nossas famílias: a personalidade explosiva, tempestuosa e independente dela batia de frente com a minha todas as vezes. Minha cabeça gritava: problema.
0
Comente!x

  A ponta do dedo indicador dela acariciava a cabeça do meu membro que já começava a ficar molhada de pré-gozo, e então eu acariciei a bochecha de com meu dedo polegar enquanto admirava as sardas dispostas pelo rosto redondo e bem desenhado dela. Minha cabeça gritou outra vez: “Problema.”
0
Comente!x

  A língua quente e molhada de lambeu o mesmo lugar que antes o dedo dela passeava e então eu fechei os olhos com força, jogando a cabeça para trás enquanto agora a boca dela começa a engolir meu membro. Meu corpo começou a tremer e cravou as unhas em minhas coxas, com força como se quisesse me marcar. Eu sorri de canto com a sensação provocada pelo ardor das unhas dela. A boca dela subia e descia, molhando meu membro, e ela determinava o ritmo, me enlouquecendo. me conhecia como a palma de suas mãos, sabia exatamente como se mover, como me tocar, como falar…
0
Comente!x

  Mordi o lábio com força quando a língua dela voltou a se movimentar na cabeça do meu membro, devagar, bem devagar… nossos olhares se cruzaram. Eu quis explodir dentro da boca de quando ela fechou os olhos e engoliu toda a extensão do meu membro. Meu corpo voltou a tremer quando ela aumentou o ritimo sobre mim com a língua e os lábios. E quando ela começou a subir e descer a mão direita sobre mim, sincronizando tal movimento com os lábios e língua, eu sabia que chegaria lá.
0
Comente!x

  - Mais profundo do que podemos aguentar, estou no paraíso ao ficar assim com você ! Me aperte e engula dessa forma, nós sempre fomos um desde o começo…
0
Comente!x

  E assim ela o fez, me presenteando com um intenso orgasmo. Como só ela seria capaz de fazer!
0
Comente!x


“O bom parece ruim, o ruim parece bom, o mundo vira de ponta cabeça, estou com problemas. Garota, você é um problema! Estou confuso, pois o errado parece certo, o certo parece errado… Estou tão perturbado, estou com problemas. Garota, você é um problema!”

  History Teller’s POV:

  Escorado na nossa árvore eu fechei os olhos com força. Dois malditos meses haviam se passado sem que eu soubesse onde de fato ela estava, sem que nós dois trocássemos mensagens, ou nos víssemos. E tive que descobrir pelos meus pais que a herdeira mais nova da família Jones estava de mudança definitiva para a França… E hoje, de repente ela me avisa por mensagem: “Me encontre na nossa árvore. Precisamos pôr um ponto final digno na nossa história.”
0
Comente!x

  Ponto final? Depois de tantos anos? Depois de todas as nossas lutas? Ela queria simplesmente por um ponto final como se eu não sentisse nada? Como se todos esses anos fossem, meses? Eu sentia todos os meus músculos travados e tensos, e minha cabeça estava pesada, a visão levemente turva e embaçada. Assim que pus meus olhos nela, caminhando em minha direção eu me entreguei. Deixei as lágrimas escorrerem por minhas bochechas, limpando-as rapidamente.
0
Comente!x

  - Eu sabia que te encontraria chorando! Por isso adiei tanto esse fim e essa conversa!
0
Comente!x

  - Há quanto tempo essa maldita viagem está planejada ? – eu voltei a chorar discretamente –
0
Comente!x

  Dor. Era tudo o que eu sentia.
0
Comente!x

  - Quantos erros nós cometemos JK? E há quanto tempo…
0
Comente!x

  Eu balancei a cabeça negativamente, com raiva.
0
Comente!x

  - Se for apontar meus erros, aponte que amo você!
0
Comente!x

  - Eu também amo você Jeon! Mas preciso fazer essa viagem, meu futuro acadêmico e profissional dependem dela! Meu pai não tem muito tempo de vida, você sabe disso! O estado de saúde mental e física dele pioraram nesses dois meses e eu tive que tomar essa decisão, minha família precisa de mim! E por mais que você os odeie… – Jungkook a interrompeu –
0
Comente!x

  - Eu não os odeio! – ele travou o maxilar e cerrou os punhos – Essa briga idiota nunca foi minha! Eu nunca abracei essa pirraça, nunca fui a favor dessa palhaçada e você sabe disso! , por Deus!
0
Comente!x

  Jungkook fechou os olhos. também fechou e então passou uma das mãos pelo rosto bonito de Jungkook.
0
Comente!x

  - A vida é tão frágil e nós temos que ser tão fortes! Eu não sei quando volto Jungkook! Não posso machucar você esse tempo todo!
0
Comente!x

  - Me deixe aguentar, mesmo que doa! Apenas fique ao meu lado para sempre, a ferida é apenas uma marca que você deixou, está tudo bem ! Mas só você pode me salvar, você é minha única cura!
0
Comente!x

  Foi a vez de balançar a cabeça em negativa para Jungkook.
0
Comente!x

  - Não é justo, Jungkook! Por favor entenda!
0
Comente!x

  - Não é isso que você quer, ! Não no seu íntimo! Você me ama tanto quanto eu amo você! E nós já estamos lutando há tanto tempo juntos! Não seria justo você me tirar essa escolha! Não pode tomar essa decisão de mim!
0
Comente!x

  Jungkook colocou as duas mãos na cintura de , que umedeceu os lábios. Colocou a testa na dela, e então roçou o nariz no nariz pontudo dela.
0
Comente!x

  - Jungkook… não faça isso! Não me beije, precisamos tentar fazer isso doer o menos o possível!
0
Comente!x

   olhou para os lábios de Jungkook e então engoliu seco.
0
Comente!x

  - Os pólos estão invertidos ! Quanto mais tenta se manter firme, mais você é arrastada. Quando me aproximo de você…
0
Comente!x

  E então os dois se beijaram, como se precisassem daquele beijo para respirar ou como se o mundo fosse acabar a qualquer momento. As línguas batalhavam uma com a outra e gemia baixo todas as vezes que Jungkook apertava a cintura dela com força, colando ainda mais os corpos. O beijo ia ganhando intensidade e o corpo dos dois parecia pegar fogo.
0
Comente!x

   se soltou de Jungkook e então depositou um beijo demorado na testa do moreno, sobre os cabelos dele.
0
Comente!x

  Enquanto se afastava, Jungkook via as lembranças passarem por sua mente. Não! Não podia deixar que ela fosse embora para outro país sem saber que, queria ela ou não, ele esperaria por ela.
0
Comente!x

  - ! – ele gritou em plenos pulmões enquanto os olhos marejavam – Se lembra? Você é meu sonho que virou realidade ! Quebrado e despedaçado, um fantástico problema… Não importa a forma, é sempre uma armadilha! O mundo está girando, nele estamos nós…
0
Comente!x

   fechou os olhos com força. Jungkook, ainda com os olhos pesadamente marejados continuou:
0
Comente!x

  - Quando você voltar, eu vou estar aqui. No mesmo lugar! Você é um problema que eu quero ter. Mesmo sabendo que eu não consigo resolver! Vai, e quando voltar, vai me encontrar aqui, porque amo você.
0
Comente!x

   sorriu para ele, de olhos fechados e com as lágrimas quentes lhe queimando as bochechas. Jungkook sorriu de volta, mesmo que ela não visse. Os dois eram problema um do outro, e se resolveriam: cedo ou tarde!
0
Comente!x

Fim

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Lelen
Admin
8 meses atrás

Eu também adoraria uma fic pré-fic dessa história falando um pouco mais dessa treta de famílias HAOSIDHABOISDBIO
JK tá melhorando no meu conceito aos poucos, culpem 7 Heavens PONASDPOANSDP


You cannot copy content of this page

1
0
Would love your thoughts, please comment.x