Status

Loading

Avalie

Este texto não foi revisado
Encontrou algum erro? Clique aqui

Esta história não possui capas prévias (:

Sem curiosidades para essa história no momento!

Somebody

“Same back roads, switchin’ lanes
My mind is racin’, I can drive myself insane
Winter’s cold and summer’s strange
Don’t turn around and act like you don’t feel the same”

  Jungkook dirigia sua moto em alta velocidade pelas estradas sinuosas, a noite fria de inverno envolvendo-o enquanto ele cortava o vento com destreza. A adrenalina corria por suas veias, cada curva e cada reta sendo percorridas com precisão quase mecânica. Mas, por dentro, sua mente estava longe de tranquila.
0
Comente!x

  As mesmas estradas secundárias, os mesmos atalhos que ele conhecia tão bem, agora pareciam um reflexo de sua própria confusão interna. Sua mente estava a mil, pensamentos sobre surgindo a cada momento. Ele pensava em seus olhos, em seu sorriso, na maneira como ela o fazia sentir. A imagem dela estava gravada em sua mente, e ele não conseguia afastá-la.
0
Comente!x

  Jungkook acelerava ainda mais, como se a velocidade pudesse ajudar a silenciar os pensamentos que insistiam em perturbá-lo. As memórias de momentos compartilhados com eram como fantasmas que o seguiam, e ele se perguntava se ela sentia o mesmo… O inverno estava frio, e o verão parecia distante e estranho, uma metáfora para a confusão emocional que ele estava vivendo.
0
Comente!x

  Enquanto dirigia, ele se lembrava de como tudo havia mudado tão rapidamente. O que antes era simples e claro agora era um turbilhão de sentimentos contraditórios. Não conseguia afastar a sensação de que ela também sentia o mesmo, apesar de tudo. As palavras da música ecoavam em sua mente, reforçando a necessidade de enfrentar os sentimentos que tentava desesperadamente fugir.
0
Comente!x

  O vento cortava seu rosto, e ele quase podia ouvir a voz dela na sua mente, questionando suas decisões e suas escolhas. A estrada parecia interminável, mas ele sabia que a festa estava próxima. Ele precisava de um escape, um lugar onde pudesse perder-se temporariamente na música e na multidão, onde pudesse esquecer, mesmo que por um breve momento, a tempestade interna que o assolava.
0
Comente!x

  Com um último suspiro, Jungkook apertou o acelerador, a moto respondendo com um rugido. A festa era sua próxima parada, mas ele sabia que, no fundo, não importava para onde fosse ou o quão rápido dirigisse, os pensamentos sobre e sobre sua vida estariam sempre lá, seguindo-o como uma sombra inseparável.
0
Comente!x

“Came to terms, things have changed
My heart can sense it, I don’t need you to explain
Pull the card, split the chain
There’s so much damage going through the motions makes”

  Jungkook estacionou sua moto com um movimento rápido e preciso, o motor rugindo antes de ser silenciado. Ele retirou o capacete, passando a mão pelos cabelos escuros bagunçados pelo vento, e observou a festa diante dele. O lugar estava lotado, a música alta e as luzes coloridas criando uma atmosfera vibrante e caótica.
0
Comente!x

  Ao caminhar em direção aos amigos, ele avistou Seokjin, que já estava lá, mesmo não sendo muito fã de festas. Seokjin o viu e sorriu, levantando a mão para cumprimentá-lo.
0
Comente!x

  - Ei, hyung! O que você está fazendo aqui? Pensei que não gostasse desse tipo de coisa. – Jungkook brincou, com um sorriso irônico –
0
Comente!x

  Seokjin deu de ombros, sorrindo de volta.
0
Comente!x

  - E eu não gosto! Mas vocês sempre me obrigam a vir mesmo, então resolvi ceder dessa vez!
1
Comente!x

  - Sei… – Jungkook soltou um sorriso malicioso e o amigo o repreendeu –
0
Comente!x

  Suga e estavam conversando animadamente, enquanto V, Namjoon, Jimin e riam de algo. Hoseok e estavam juntos, parecendo mais íntimos do que nunca. Jungkook cumprimentou todos com um aceno e alguns abraços rápidos, tentando parecer o mais normal possível.
0
Comente!x

  No fundo, ele sabia que provavelmente encontraria também. Ela deveria aparecer junto com Yugyeom, Li Hua e . O pensamento dela novamente fez seu coração acelerar, mas ele tentou não demonstrar nada.
0
Comente!x

  - Ei, Jungkook! – Jimin chamou, com um sorriso caloroso – Que bom te ver aqui!
0
Comente!x

  - Oi, Jimin, ! Oi, pessoal! – Jungkook respondeu, tentando esconder a ansiedade. – Vou pegar uma bebida. Nos vemos por aí.
0
Comente!x

  Com isso, ele rapidamente se misturou na multidão, indo em direção ao bar. Precisava de algo forte para acalmar os nervos. A atmosfera da festa, cheia de gente dançando e conversando, parecia sufocante. Tudo o que ele queria era esquecer, pelo menos por um tempo, os sentimentos conflitantes que o atormentavam.
0
Comente!x

  Jungkook caminhou pelo local aberto da festa, cumprimentando alguns conhecidos pelo caminho. A música alta e as risadas ecoavam no ar, enquanto ele fazia seu caminho até o bar. Algumas garotas que ele conhecia de outras festas e encontros o chamaram, sorrindo para ele.
0
Comente!x

  - Ei, Jungkook! – uma delas, uma loira de olhos brilhantes, acenou animadamente – Há quanto tempo!
0
Comente!x

  - Oi, Seulgi! – ele respondeu, com um sorriso charmoso. – Bom te ver aqui…
0
Comente!x

  - Você também, oppa! – ela respondeu, piscando para ele antes de se juntar novamente ao seu grupo de amigas –
0
Comente!x

  Jungkook continuou andando, trocando algumas palavras e sorrisos com outras garotas que conhecia. Elas riam e flertavam, mas ele estava apenas parcialmente presente, sua mente ainda presa em pensamentos turbulentos.
1
Comente!x

  Finalmente, ele chegou ao bar e fez seu pedido:
0
Comente!x

  - Um uísque duplo, por favor. – ele disse ao bartender, apoiando-se no balcão enquanto esperava sua bebida –
0
Comente!x

  Enquanto aguardava, ele observou o local ao seu redor. A festa era ao ar livre, com luzes coloridas penduradas em árvores e tendas espalhadas pelo espaço. Grupos de pessoas estavam espalhados por todo o lugar, rindo, dançando e se divertindo. As risadas e a música alta pareciam distantes enquanto ele mergulhava em seus pensamentos.
0
Comente!x

  O bartender lhe entregou o copo, e Jungkook levou a bebida aos lábios, sentindo o líquido forte queimar sua garganta. Precisava disso para se acalmar, para tentar esquecer , pelo menos por um momento.
0
Comente!x

  Ele olhou ao redor, vendo seus amigos se divertindo, mas sua mente estava longe. A cada gole, ele esperava que a bebida começasse a fazer efeito, dando-lhe a falsa sensação de alívio que tanto precisava.
0
Comente!x

  Jungkook ficou no bar por mais alguns minutos, tomando várias doses de uísque. Ele precisava de algo mais leve para manter a sensação de entorpecimento, então pegou uma cerveja antes de voltar para onde seus amigos estavam reunidos.
0
Comente!x

  Quando ele se aproximou do grupo, percebeu que , Yugyeom, Li Hua, e até já estavam lá. Seus olhos encontraram os de , e ele acenou com a cabeça em cumprimento. Ela, hesitante, decidiu ir até ele.
0
Comente!x

  - Oi, Jungkook… – ela disse, tentando sorrir  – Tudo bem com você?
0
Comente!x

  - Tudo sim. – ele respondeu, assentindo – E você?
0
Comente!x

  - Também… – ela balançou a cabeça, mas Jungkook percebeu que seus olhos estavam marejados –
0
Comente!x

  Ele suspirou, sabendo que não podia evitar a conversa por muito mais tempo.
0
Comente!x

  - Podemos conversar?
0
Comente!x

   pareceu aliviada por um momento, mas sua expressão rapidamente mudou quando ele continuou.
0
Comente!x

  - Aqui não, . – ele disse, balançando a cabeça – Aqui não é o lugar, e eu não estou a fim de uma DR com alguém que nem é minha namorada.
0
Comente!x

  Ele se afastou antes que ela pudesse responder, indo cumprimentar outros conhecidos e conhecidas na festa. ficou ali, chateada e tentando manter a compostura.
0
Comente!x

  Yugyeom, percebendo a situação, se aproximou dela.
0
Comente!x

  - Ei, … – ele disse, com um sorriso solidário – Vamos curtir a festa? Esquece isso por um tempo.
0
Comente!x

   forçou um sorriso e assentiu, deixando que Yugyeom a levasse de volta para o grupo, tentando se distrair com a música e a companhia dos amigos.
0
Comente!x

“Oh, oh, we both know
Say it again, say it again
Like, oh, oh, it’s time to let go”

  O grupo passou algum tempo conversando e se divertindo. A atmosfera estava leve, com risos e conversas animadas, exceto para , que não conseguia tirar os olhos de Jungkook. Ele já estava visivelmente bêbado, rodeado por mulheres e outros amigos. Cada vez que olhava para ele, sentia um aperto no peito, vendo-o se afastar mais dela, tanto física quanto emocionalmente.
0
Comente!x

  Jungkook, percebendo a intensidade do olhar de , começou a sentir um peso de culpa. Ele sabia que estava magoando-a, e quanto mais via o sofrimento nos olhos dela, mais percebia que precisava acabar com aquilo de uma vez por todas. Decidido a cortar o mal pela raiz, ele se inclinou e beijou uma das garotas ao seu lado.
0
Comente!x

   sentiu o coração despedaçar ao ver a cena. A surpresa e a tristeza transpareceram em seu rosto, e ela não pôde conter as lágrimas que começaram a se formar em seus olhos. Determinada a confrontá-lo, ela caminhou até Jungkook e chamou por ele.
0
Comente!x

  - Jungkook! – sua voz tremia, mas estava decidida –
0
Comente!x

  Ele parou de beijar a garota e encarou , percebendo a profundidade de sua mágoa. O silêncio entre eles era pesado, cheio de tudo o que nunca foi dito. Com um suspiro, ele falou, a voz embargada pela emoção e pelo álcool:
1
Comente!x

  - Quando você sai de noite… fica sob as luzes… – ele começou, as palavras saindo com dificuldade – Ah, , eu espero que você encontre alguém… Espero que encontre alguém leal, leal até o fim. Ah, espero que você encontre alguém… Espero que você saiba que esse alguém não sou eu! Espero que você saiba que esse alguém não sou eu, .
0
Comente!x

  As palavras de Jungkook ecoaram no silêncio que se seguiu. , com os olhos ainda mais marejados, percebeu a verdade amarga naquelas palavras. Sem dizer mais nada, ela deu meia-volta e se afastou, sentindo o peso da rejeição e da realidade que finalmente havia se tornado clara.
0
Comente!x

  Jungkook voltou a beijar a garota, tentando ignorar os olhares desapontados de seus amigos. Ele sabia que estava decepcionando a todos, mas não queria enfrentar a realidade que havia acabado de criar. Enquanto isso, as garotas  — , , , , e — foram atrás de para consolá-la, deixando Yugyeom observando Jungkook com uma raiva crescente.
0
Comente!x

  Yugyeom cerrou os punhos, a raiva borbulhando dentro dele, e quando Jungkook finalmente se afastou da garota, ele avançou, segurando-o pelo colarinho da camiseta.
0
Comente!x

  - Você é um covarde! – Yugyeom rosnou, os olhos queimando de fúria. Soltou Jungkook com um empurrão, mas antes que pudesse se afastar, Jungkook resolveu tocar na ferida –
0
Comente!x

  - Pensa pelo lado positivo, agora ela está livre para você! Quem sabe você não consegue conquistá-la agora que ela está com o coração partido? – as palavras saíram carregadas de ironia e desprezo –
0
Comente!x

  Sem pensar duas vezes, Yugyeom desferiu um soco forte no rosto de Jungkook, canalizando toda a sua raiva naquele golpe. Jungkook cambaleou para trás, segurando o rosto onde o soco havia acertado, enquanto V e Jimin seguravam Yugyeom, impedindo-o de avançar novamente.
0
Comente!x

  Namjoon e Suga correram para Jungkook, tentando ver se ele estava bem. V, com um olhar severo, encarou Yugyeom e falou com firmeza:
0
Comente!x

  - Vai embora, Yugyeom! Cuide de . Ela precisa de você agora, mais do que nunca. – a voz de V era autoritária, deixando claro que a discussão havia acabado –
0
Comente!x

  Yugyeom respirou fundo, ainda furioso, mas vendo a razão nas palavras de V. Ele se afastou, lançando um último olhar de desprezo para Jungkook, antes de encarar Li Hua. Ela também tinha os olhos marejados, e Yugyeom sentiu um aperto no peito. Segurando a cintura dela, ele apertou levemente, buscando algum consolo.
0
Comente!x

  Li Hua fez que sim com a cabeça e falou, a voz embargada pela emoção:
0
Comente!x

  - Vai atrás dela. Eu sei que é isso que você quer… é sempre ela a sua prioridade e eu já deveria saber disso, Yugyeom. Eu vou para casa, a gente se fala depois.
0
Comente!x

  Yugyeom sentiu o coração partir ao ver Li Hua sofrer, uma onda de culpa e tristeza passando por ele. Mexido, ele soltou um suspiro profundo e, com um último olhar de desculpas, foi atrás de , deixando Li Hua para trás.
0
Comente!x

  Enquanto isso, Namjoon e Suga ajudavam Jungkook a se levantar. Jungkook tinha a boca sangrando, e Suga correu para buscar gelo. Namjoon olhou para Jungkook com uma expressão de desapontamento misturado com preocupação.
0
Comente!x

  - Eu estou bem! – Jungkook disse, tentando aliviar a tensão – Eu mereci aquele soco.
0
Comente!x

  Os amigos concordaram silenciosamente, especialmente Jimin, que balançou a cabeça em reprovação.
0
Comente!x

  - Você realmente mereceu! – Jimin disse, a voz baixa mas firme –
0
Comente!x

  Jungkook sentiu o peso das palavras dos amigos, o arrependimento começando a se acumular em seu peito. Ele passou a mão pelo rosto, limpando o sangue da boca, e então falou:
0
Comente!x

  - Eu preciso de um tempo sozinho.
0
Comente!x

  Namjoon assentiu, entendendo que Jungkook precisava refletir sobre suas ações. Os amigos se afastaram, dando espaço para ele, enquanto Jungkook se dirigia para um canto mais isolado, perdido em pensamentos e arrependimento.
0
Comente!x

  Jungkook se afastou dos amigos, procurando um canto isolado onde pudesse ficar sozinho com seus pensamentos. Ele encostou-se a uma parede, puxou um maço de cigarros do bolso e acendeu um. O primeiro trago foi longo e profundo, o gosto amargo da nicotina acalmando momentaneamente a tempestade dentro dele.
0
Comente!x

  Enquanto soltava a fumaça, seus pensamentos se voltaram para . Ele imaginou a dor nos olhos dela, a tristeza que ele havia causado. Cada imagem que passava por sua mente aumentava o peso da culpa em seu peito. Ele sabia que ela estava ferida, e isso o matava por dentro. Mas, ao mesmo tempo, ele sentia que essa era a única maneira de proteger ambos.
0
Comente!x

  Ele levou o cigarro à boca novamente, fumando lentamente, tentando encontrar alguma lógica em seus sentimentos. “É melhor assim,” ele repetiu para si mesmo. “Eu não posso me apaixonar por ela. Eu não posso correr o risco de sofrer novamente.”
0
Comente!x

  O passado voltou com força, trazendo consigo memórias dolorosas. A culpa pela morte dos pais era um fardo constante, uma sombra que ele nunca conseguia escapar. Ele sempre se sentira indigno de amor, como se não merecesse ser feliz. E era por isso que ele sempre fugia desse tipo de sentimento, preferindo a dor e a solidão à possibilidade de se machucar novamente.
0
Comente!x

  - Espero que você saiba que esse alguém não sou eu, – ele murmurou, a voz baixa e cheia de pesar – espero que você saiba que esse alguém não sou eu, .
0
Comente!x

  Enquanto repetia essas palavras, ele sentiu uma pontada de tristeza misturada com resignação. Ele jogou o cigarro no chão e o esmagou com o pé, soltando um suspiro pesado. Jungkook sabia que tinha tomado a decisão certa, mesmo que isso significasse ferir a única pessoa que havia conseguido romper suas barreiras. Para ele, era melhor assim. Para ambos.
0
Comente!x

  Ele se afastou da parede, ainda perdido em pensamentos, sabendo que tinha um longo caminho pela fren
0
Comente!x
te para lidar com os demônios do passado e as consequências de suas ações.

Fim

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Lelen
Admin
24 dias atrás

Primeiramente: que soco de realidade que a Li Hua deu no Yugyeom. Na boa, dependendo do que o serzinho vai fazer depois disso, eu ia embora da vida dele 😂😂😂
E JK, seu boboca, você já está sofrendo, mas aí é por sua própria culpa. Vai fazer terapia com algum conhecido do Namjoon, vá. 🧐🧐

Ilane CS
22 dias atrás
  - E eu não gosto! Mas vocês sempre me obrigam a vir mesmo, então resolvi ceder dessa vez!" Read more »

O Jin hyung não tem paz do Jungkook em canto nenhum, eu AMO KKKKKKK

Ilane CS
22 dias atrás
  Jungkook continuou andando, trocando algumas palavras e sorrisos com outras garotas que conhecia. Elas riam e flertavam, mas ele estava…" Read more »

Não sei vocês, mas EU, se visse o Jungkook numa festa, ia ficar igual essas meninas KKKKK

Ilane CS
22 dias atrás
  Ele parou de beijar a garota e encarou , percebendo a profundidade de sua mágoa. O silêncio entre eles era…" Read more »

Meu Deus, primeira vez na vida que eu leio um Jungkook que me dá raiva????????????


You cannot copy content of this page

4
0
Would love your thoughts, please comment.x