Li Santos
Visite o Perfil

Status

Loading

Avalie

Este texto não foi revisado
Encontrou algum erro? Clique aqui

Esta história não possui capas prévias (:

Sem curiosidades para essa história no momento!

Itohen

Este é um spin-off de MICROCOSM e pode ser lido depois do capítulo 26 da história principal.

   fecha a porta usando os pés, enquanto ainda beija que, em sua mente, se pergunta o que está havendo. Ele se esbarra no móvel que há em frente à porta interrompendo brevemente o toque de seus lábios.
0
Comente!x

  — O que está havendo? — verbaliza ele, confuso, porém adorando ter sido beijado por seu amor.
0
Comente!x

  — … — a voz de sai falhada. A modelo está tão emocionada com o reencontro que mal consegue falar direito. Ela fecha os olhos um pouco e toca em seus ombros, fazendo-a olhar para ele. — Eu descobri que era tudo mentira. Que nunca existiu traição — a menção deixa o guitarrista em alerta, o coração ainda disparado.
0
Comente!x

  — Então…
0
Comente!x

  — Sei que não me traiu, foi tudo uma grande armação.
0
Comente!x

  — Armação? , como assim armação?
0
Comente!x

  — Podemos falar disso depois? — seus olhos percorrem o rosto do marido, ansiando por beijá-lo de novo. — Eu preciso…
0
Comente!x

   a interrompe, beijando-a com vigorosidade. Ele não precisa, neste momento, de uma verbalização dos desejos de sua amada esposa. Ela havia descoberto, de alguma maneira – ele saberia no momento certo –, que o marido não a traiu e que foi tudo uma armação contra o casamento deles. Como? Por quê? E quem? saberia depois, sua preocupação neste instante é tomar para si, tomar sua esposa em seus braços que tanta falta sentiram do corpo dela. Ele a empurra contra a parede, sem controlar sua força, e acaba batendo a cabeça absorvendo todo o impacto.
0
Comente!x

   geme.
0
Comente!x

  — Desculpa, baby — pede ele, ofegante, passando uma das mãos na cabeça dela, afagando o local. — Machucou?
0
Comente!x

  — Não — responde, também sem ar. — Vem cá, amor.
0
Comente!x

  Ela o puxa pelo colete novamente e o beija.
0
Comente!x

  Foram poucos meses separados, mas intermináveis diante da falta que sentiam um do outro. Falta essa que está impressa no beijo, carícias e gemidos que ambos dão agora enquanto se movimentam até o interior do apartamento de . No caminho até o quarto dele, que foi definido instintivamente por ambos, desabotoa o colete dele ao mesmo tempo em que as mãos grandes e macias de percorrem as costas e as coxas dela. Assim que chegam ao cômodo, ainda aos beijos e com já sem o colete e com parte da camisa para fora de seu braço, o joga na cama encarando-o com libido, e sorri. O sorriso que tanto adora e que sempre o faz sorrir junto, assim como agora.
0
Comente!x

  O músico sobe seu corpo na cama, sem tirar os olhos da esposa, preparado para recebê-la. Não tarda para que ele sinta engatinhar sobre ele e os lábios voltam a se beijar. A presteza com as mãos que o marido tem é algo admirável para , sempre o elogiou tanto quando tocava guitarra quanto quando tocava o corpo de sua esposa. O homem atravessa a fenda do vestido dela, subindo a peça e arranhando as unhas em sua pele, tirando um suspiro gostoso de . Eles se encaram por frações de segundos antes do guitarrista levantar-se da cama para tirar a própria roupa. Começando pela camisa, jogando a peça no chão. Depois a calça e as meias. Naquela altura, não sentia mais dor de cabeça já que estava ocupado demais em sentir o prazer de estar novamente com .
0
Comente!x

  Subindo na cama novamente, o homem ajuda a esposa a retirar o vestido. está de joelho, de costas para ele, enquanto desce o zíper do vestido, descendo junto as alças de seus ombros e beijando o local. É tão especial estar com ele, tocá-lo, senti-lo, amá-lo… Ela tenta controlar sua emoção, deixando transparecer apenas sua felicidade em retomá-lo como marido. A modelo termina de tirar o vestido, ficando apenas de lingerie, e deita novamente na cama. se debruça sobre ela, beijando seu busto e suas mãos penetravam por dentro da calcinha dela, descendo a peça. O sutiã também é retirado juntamente com a cueca dele. Ambos já sem roupas, ele deitado sobre a esposa. Antes de dar o próximo passo, paralisa, emocionado com o momento. O guitarrista fecha os olhos com força, encostando o rosto na cama ao lado do rosto de . Ela também está tão emocionada quanto o marido e, por isso, compreende a emoção dele, abraçando a cabeça de com uma das mãos enquanto a outra afaga as largas costas dele.
0
Comente!x

   ergue o rosto novamente e beija a esposa.
0
Comente!x

  A doçura do beijo, inicialmente, acalma os corações de ambos que, com o tempo, amenizam as batidas do órgão e relaxam os músculos de seus corpos. Logo, a calmaria dá lugar à volúpia, intensificando o beijo e as carícias entre eles. As pernas da modelo entrelaçam o quadril do marido e, com um forte puxão, uma delas é erguida e presa por um de seus braços. usa o outro braço para encaixar seu pau na intimidade da esposa, a sensação de choro voltando, mas controlada por ele que engole em seco, respira fundo em seguida e introduz seu pau nela.
0
Comente!x

   volta a gemer.
0
Comente!x

  Trocando olhares assanhados e, no fundo, românticos, o casal inicia o sexo com movimentando ritmamente seu quadril, ainda prendendo a perna de com um dos braços. As transas dele, no início do namoro, eram mais contidas, não tinham muitos elementos considerados selvagens. Porém, com o noivado e casamento, e as várias experiências que tiveram um com o outro, o sexo evoluiu. Com isso, veio a introdução de elementos que jamais pensariam em usar anteriormente, porém um com o outro sentiam-se à vontade para se libertar de certos paradigmas. Neste instante, está segurando o pescoço de sem colocar o peso de seu corpo sobre ela, para não machucar, mas com a firmeza necessária. Ambos descobriram que isso aumenta o prazer sentido por ela, o que aumenta o dele proporcionalmente.
0
Comente!x

  Eles trocam de lugar, agora cavalgando em cima dele. É a posição favorita dela, onde sente-se no controle. A mulher apoia as mãos sobre o tórax de , arranhando o local conforme quica no pau do guitarrista, rebolando a bunda e gemendo. Nem precisa dizer o quão falta sentiu disso.
0
Comente!x

  — Baby…
0
Comente!x

  Diz a mulher, entre gemidos, um alerta para a proximidade de seu orgasmo que, algumas quicadas depois, explode preenchendo sua intimidade. Seu corpo despenca sobre o marido que a ampara em seus braços, deixando beijos molhados e cheios de desejo pelo rosto dela.
0
Comente!x

  — Me deixa te ver de pertinho — pede , ofegante. — Só para eu ter certeza de que não estou delirando — solta uma risada em meio a respiração profunda.
0
Comente!x

  — Não está delirando, baby.
0
Comente!x

  — Ah, que saudades de te ouvir me chamar assim — confessa, mordendo os lábios e encarando a esposa. — Diz de novo.
0
Comente!x

  — Baby…
0
Comente!x

  Ela sussurra de maneira sexy e puxa o ar entre os dentes, tomando os lábios da esposa em seguida e jogando o corpo por cima dela. Começando uma nova transa.
0
Comente!x

  Algumas horas depois

  Apesar de seus celular estarem tocando insistentemente há algumas horas, o casal segue sem atendê-los.
0
Comente!x

  Agora, está novamente de joelhos na cama, atrás dela. Os corpos colados, feitos imãs, não se desgrudaram nem por um segundo desde que o agarrou mais cedo na porta do apartamento. O homem beija o pescoço dela, que o inclina para o lado para ajudá-lo. As mãos percorrendo com leveza o corpo dela, deslizando por seus braços, descendo até as coxas e subindo novamente até a barriga dela. Arrepios são um fato.
0
Comente!x

  — Muito tempo se passou, mas o meu amor por você é o mesmo — diz ele, ainda beijando o pescoço da esposa, os olhos fechados saboreando cada toque. — Se bobear, é ainda maior — uma de suas mãos desliza da barriga de até a virilha dela. — Faz tempo que eu não te toco assim… — seus dedos penetram a intimidade da esposa, tirando-lhe um longo suspiro.
0
Comente!x

  — Baby…
0
Comente!x

  — Estava sedento por isso, baby.
0
Comente!x

   ajeita o corpo, sentando-se na cama e encaixando entre suas pernas. A mulher joga cada perna sobre a do marido, ampliando o ângulo de sua intimidade, deixando-a mais aberta para que possa penetrá-la melhor. Ela deixa sua cabeça encostar-se no ombro dele, que segue beijando o pescoço de e manobrando seus dedos dentro da mulher. Gemidinhos tornam-se mais altos com o progresso do ato. está empenhado agora. Nem o toque de seu celular o desconcentra agora. Sua mão esquerda segue empenhada em fuder a esposa com os dedos, enquanto a outra segura o pescoço de , jogando-o para trás e exercendo certa pressão. Ele usa a mão direita para suspender brevemente o braço da esposa e passar sua cabeça por ali. Seu alvo: os seios de .
0
Comente!x

  Ao tocar no bico esquerdo do peito dela, a ouve gritar rapidamente. Sua boca está quente e isso agrada que sentiu falta das sugadas gostosas que apenas seu marido conseguia fazer. Apenas ele conseguia fazê-la gozar usando apenas a boca.
0
Comente!x

  A reconciliação do casal não poderia ser melhor que isso, a maneira mais deliciosa de pedir perdão.
0
Comente!x

 

“Meu mundo lindamente colorido com milhares de arestas
Eu ainda posso andar porque você estava lá
Obrigado pelo maravilhoso encontro.”
– Itohen, FLOW –

Fim

  Nota: Graças a Deus a palhaçada de separação acabou!!! <3

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Lelen
Admin
8 meses atrás

ARRE, ACABOU SOFRÊNCIA, BORA FINAL FELIZ. (ainda falta muito pra acabar, né? 🥲)

Li Santos
Li Santos
8 meses atrás
Reply to  Lelen

VEIO AIIIII!!! (Falta 🥹🤓)


You cannot copy content of this page

2
0
Would love your thoughts, please comment.x