Esta história pertence ao Projeto Songfics
Mari Guizelini
Visite o Perfil

Status

Loading

Avalie

Este texto foi revisado
Encontrou algum erro? Clique aqui

Temporada #011

Secrets
Jacob Lee

Capa por Fe Camilo

Gostaria de requerer a capa como oficial? Clique aqui!

Sem informações no momento.

Back to the Start

   e eram namorados na adolescência, aquele famoso childhood sweetheart mesmo, onde o casal se conhece desde pequenos e acabam juntos quando crescem um pouco – como todos à volta dos dois já previam que aconteceriam. e não eram vizinhos nem nada, mas não era muito difícil conhecer todo mundo em Florence, no estado de Óregon, então como os pais dos dois se conheciam, não foi muito difícil eles se tornarem amigos e, depois, namorados.
0
Comente!x

  Porém, enquanto queria sair da pequena cidadezinha e se tornar uma aclamada repórter de telejornal, de preferencia o noturno, que todo mundo assiste, estava contente em ficar em Florence, casar com e construir uma família e tomar conta do negocio da família – uma lojinha de móveis. Essa diferença de ambições foi motivo de algumas briguinhas entre os dois, que logo eram deixadas de lado, pois julgavam muito cedo para se importar com aquilo, resolveriam o problema quando ele chegasse até o casal.
0
Comente!x

  Até que ele chegou, aos 17 anos cada um tinha seus planos de vida e metas bem definidos, o problema era que os caminhos dos dois se separava cada vez mais. não via sentido em abandonar seus planos de carreira para ficar em uma cidade morta no meio do nada, onde nada acontecia nunca e não via sentido em deixar a cidade que sempre conheceu e que amava para ir para uma cidade grande, onde havia muito mais problemas e perigos e, apesar dos esforços dos dois em fazer o outro entender seu ponto de vista, não teve jeito e acabaram se separando.
0
Comente!x

  Não se engane, a separação não foi tão fácil quanto ambos acharam que seria; apesar de não se verem com frequência, pois enquanto tinha permanecido em Florence, alçou seu voo e foi para Los Angeles, a cidade das oportunidades, e mal voltava para ver os pais. A última vez que teve alguma notícia de sua garota foi através de sua mãe lhe contando que a menina estava ficando bem famosa no Youtube fazendo vídeos sobre maquiagens, coisa pela qual sempre foi apaixonada. Até tinha ido procurar algum vídeo de para ver como ela estava, mas, apesar de proclamar o extremo oposto, ainda era apaixonado pela garota e não foi fácil para ele vê-la, mesmo que por um singelo vídeo de menos de 15 minutos.
0
Comente!x

  Desde então, se tornou uma Youtuber muito famosa no seu nicho de produção, disputada por marcas e empresários para comprarem um storie em seu Instagram por muito dinheiro. Mas dizem que quando maior seu voo maior sua queda, não é mesmo? começou a se envolver em muitas polêmicas nos últimos meses e era vista sempre dando vexame em alguma festa ou perdendo a noção em algum restaurante, por isso lhe foi sugerido que desse um tempo de sua vida pública e se mandasse para algum lugar que ficasse longe dos radares da mídia por um tempo. então pegou a oportunidade e uniu o útil ao agradável e aproveitou para passar um tempo com os pais, que já não via há algum tempo e estava com saudades.
0
Comente!x

  É claro que a volta da grande para Florence foi a notícia do mês e não teve como não ficar sabendo disso, mas prometeu a si mesmo que não ia procurá-la, afinal tinha certeza que a de agora estava vivendo a melhor versão de sua vida, afinal era A , enquanto ele ainda estava no mesmo lugar que ela havia o deixado e, afinal, o que uma grande influencer iria querer com o mesmo rapaz do interior de sempre?
0
Comente!x

  Sua mãe, entretanto, não tinha a mesma ideia que ele e praticamente o forçou a ir em um jantar de recepção que a família daria a sua única filha e, como não costumava contrariar sua mãe, foi.
0
Comente!x

   acreditava que, depois de quase 10 anos sem ver teria esquecido a menina, afinal já tivera outras namoradas e não pensava nela há muitos anos, mas toda essa certeza foi por água abaixo quando colocou os olhos nela, nunca havia se sentido tão desnorteado assim em todos seus 26 anos de vida. Sabia que a garota estaria linda, afinal sempre fora, mas nada podia o preparar para o jeito em que seu coração batia feito louco em seu peito e torcia para que ela não percebesse nada, mesmo o conhecendo como a palma de sua mão.
0
Comente!x

  Já não havia sido avisada que viria, na verdade se sentia envergonhada por não ter relacionado os s a ele, afinal fez parte daquela família por vários anos em sua adolescência, então a enxurrada de sentimentos que tomou conta dela foi totalmente inesperada e, por isso, tão intensa. continuava com seus olhos bondosos, sorriso leve e cabelo no estilo que adorava, só que agora estava com uma barba por fazer que o deixava com mais rosto de homem e um corpo muito mais forte e encorpado do que da última vez o que o vira.
0
Comente!x

  - , querida, que bom ver você! Está tão linda! – Miranda sempre foi um poço de gentileza e não foi diferente quando ela dirigiu a palavra à , que havia acabado de entrar na sala de jantar.
0
Comente!x

  - Miranda, Harry, que bom rever vocês! E você também, , claro.
0
Comente!x

  A noite transcorreu sem maiores emoções, Claire, irmã de , não parava de perguntar a sobre sua “vida de famosa”, como a garota gostava de salientar a todo momento, mesmo seus pais e irmão falando a toda hora para a menina parar. Quando foi embora de Florence, Claire ainda era um bebê praticamente, então nunca ficou sabendo que a Youtuber que a garota admirava tanto já havia sido sua cunhada.
0
Comente!x

  Em determinado momento da noite, deixou escapar que queria rever a cidade e estava curiosa em saber como estavam as coisas depois de tanto tempo, os pais de e seus próprios acharam uma boa ideia que o rapaz levasse ela para uma volta pela pequena cidade, alegando que seria muito perigoso ir sozinha. “Perigoso? Em Florance? Tá bom!” era o que pensava, mas não disse nada, afinal já havia ido embora da cidade há alguns anos, vai que as coisas mudaram, não é mesmo? Depois de muita insistência, conseguiram que e saíssem sozinhos, apesar dos inúmeros protestos de Claire, que queria de qualquer jeito dar um passeio com a sua mais nova amiga famosa.
0
Comente!x

  Os dois andaram por alguns minutos em silencio, com apenas admirando as ruas de sua antiga cidade, e admirando como o céu naquele lugar era tão bonito, havia se esquecido daquilo! Enquanto passavam em frente a uma praça, perto do antigo colégio deles, pediu para que sentassem lá um pouquinho para descansar, a moça já não estava mais tão acostumada assim a andar muito, mesmo que distancias pequenas, já que em LA era tudo feito de carro.
0
Comente!x

  Quando entraram na pracinha, já fora logo sentar no chão, assim como fazia quando era adolescente e os dois passavam horas naquela mesma praça, conversando e namorando.
0
Comente!x

  - Ainda prefere se sentar no chão? – soltou sem pensar muito, se arrependendo por um momento logo em seguida, arrependimento esse que logo se desfez com o som do riso de .
0
Comente!x

  - Alguns hábitos não morrem, não é o que dizem?
0
Comente!x

   concordou e os dois ficaram em silêncio por um tempo, depois que se deitou no chão para olhar as estrelas, resolveu falar novamente:
0
Comente!x

  - Sabe, tinha esquecido o quanto Florence é bonito, desde que cheguei não paro de me sentir como se pertencesse aqui, sabe? Como se nunca tivesse saído…
0
Comente!x

  - É claro que pertence, , você pode até chamar outra cidade de sua casa agora, mas você pertence à Florence tanto quanto eu, que nunca saí daqui.
0
Comente!x

  Depois disso ficou um tempão em silencio, apenas olhando o céu, como se pensasse em tudo e em nada ao mesmo tempo. achou que ela tinha dado o assunto por encerrado quando, de repente, ela resolve compartilhar seus pensamento com o ex-namorado.
0
Comente!x

  - Me sinto segura quando estou aqui, tinha me esquecido como era se sentir assim. – E sem dar tempo para ele responder qualquer coisa já mudou o rumo da conversa – Você é feliz aqui, ?
0
Comente!x

  - Acho que sou, . E você, é feliz? – A mulher não pode deixar de perceber que ele não perguntou se ela era feliz morando em LA, não sabendo se aquilo era proposital ou não, resolveu que iria responder apenas que sim, mas, para sua surpresa, o que saiu de sua boca foi uma risada sem humor nenhum e não disse mais nada, então se virou para olhá-la. – , você sabe que eu sempre vou guardar seus segredos, não sabe? Do mesmo jeito que guardo aqueles do tempo em que… Em que éramos adolescentes. – decidiu que terminar a frase daquele jeito seria mais seguro para aquele momento.
0
Comente!x

   ficou em silencio por mais alguns momentos quando resolveu que precisava conversar. Precisava falar tudo o que estava entalado em seu coração e que não havia pessoa melhor para ouvi-la naquele momento.
0
Comente!x

  - Eu sei que não sou nada daquilo que eu planejei que seria quando era uma jovem sonhadora de 17 anos, mas nesse tempo todo tenho tentado me convencer que tenho tudo o que preciso e sou tudo aquilo que queria ser, mas não consigo abandonar esse sentimento de que alguma coisa está faltando, o tempo todo, e é tão frustrante. – deu uma pausa para colocar seus pensamentos em ordem e logo em seguida continuou – Todos esses anos eu segui acreditando que logo mais estaria vivendo a melhor época da minha vida, só mais 10.000 seguidores seria tudo o que precisava e logo tudo estaria melhor, mas nunca esteve e desconfio que nunca vai estar, não se depender disso.
0
Comente!x

   não sabia o que dizer para ela e ele odiou ver a garota daquela maneira, ela, que sempre fora tão cheia de certezas e tinha tanta fé no seu potencial, agora estava confusa e sem saber o que fazer, por isso desligou todo lado racional de seu cérebro e aconchegou em um abraço.
0
Comente!x

  Para a sua surpresa, ela só soltou um suspiro, como se finalmente tivesse voltado a respirar e se aconchegou no peito do seu agora ex namorado.
0
Comente!x

  Era exatamente assim que se sentiu, como se finalmente conseguisse respirar, depois de tantos anos segurando a respiração.
0
Comente!x

  - , eu não sei pelo que você está passando, porque nunca experimentei algo do tipo, mas tenho certeza que você é capaz de qualquer coisa que acreditar que pode fazer. Lembra quando todo mundo desacreditava que você iria conseguir ser uma jornalista famosa lá em Los Angeles? Bom, você pode não ser jornalista, mas é muito famosa, então acredito que você já calou a boca de todo mundo.
0
Comente!x

  A risada de saiu meio abafada por estar com o rosto parcialmente apertado contra o peito (agora bem mais forte) de , além disso, seu perfume continuava maravilhoso e ela se lembrara o porquê era tão fácil amar , ele era um doce e sempre acreditava nela, mesmo que seu sonhos fossem os mais bobos possíveis, como aquela vez que ela acreditava que poderia ter um castelo de nuvens em seu aniversário de sete anos.
0
Comente!x

  - Eu sinto tanto a sua falta, ! – Dessa vez que desligou a parte racional de seu cérebro e deixou fluir em palavras aquilo que estava sentido desde que colocara os olhos em naquela mesma noite. A garota se ajustou para conseguir olhar no rosto de e, quase que imediatamente, sentiu como se fosse errado deixar o calor do abraço dele. – Eu sei que não é justo eu te falar isso agora, do nada, não sei como está a sua vida nem nada, mas… Não sei, não consegui segurar.
0
Comente!x

  - , você não tem ideia do quanto eu sinto sua falta também, não tem a mínima ideia… – Apesar de ter a intenção de falar que, apesar disso, não achava uma boa ideia eles se envolverem de novo, ainda mais com tantos sentimentos se aflorando que, pelo menos , lutou para adormecer, mas quando olhou nos olhos de , tão perto dos seus, não conseguiu se conter, mandou o bom senso e a racionalidade para a puta que pariu e a beijou.
0
Comente!x

  , que havia esquecido o quanto um beijo pode te desnortear, se lembrou rapidinho, fazia muito tempo que ela não se sentia nas nuvens apenas de estar beijando alguém como se sentia quando beijava o seu . Ele, por outro lado, a beijava com tanta vontade, quase como quisesse mostrar a , sem palavras, o quanto a saudades dela o perturbava.
0
Comente!x

  Se recusando a conversar sobre mais qualquer coisa, mesmo que inconscientemente, cada parte com medo de pensar algo que machucaria muito naquele momento – ela que tivesse alguém em sua vida e ele que voltaria logo mais para sua cidade, onde se esqueceria rapidinho dele –, os dois continuaram ali, naquele parque, que antes servia como lugar deles para namorar, agora servindo para o mesmo propósito anos depois, quem diria, sob a luz do luar e observando as estrelas em meio a beijos apaixonados e suspiros, e quase podiam jurar que as estrelas lhes observava de volta.
0
Comente!x

  Depois de algum tempo resolveram voltar, afinal já estava tarde e a temperatura estava caindo cada vez mais, não estava mais acostumada com o frio de Oregon, não depois de tanto tempo em Los Angeles. a acompanhou até em casa e depois seguiu para a sua, e assim a noite terminou para eles, cada um perdido em seus próprios pensamentos sobre a mesma situação.
0
Comente!x

  Alguns dias depois do jantar e dos beijos na praça, foi descobrir o que sua mãe sabia sobre , o que era praticamente tudo de sua vida, já que a mãe tinha um apreço – vamos colocar dessa maneira – pela vida alheia. Descobriu que ele estava solteiro, que nunca parecia ter tido um relacionamento muito longo também e que trabalhava na loja de móveis dos pais, mas também dava aula de pintura para as crianças do centro comunitário da cidade, achou aquilo a coisa mais fofa, mas não poderia dizer que estava surpresa, afinal sempre gostou muito de crianças.
0
Comente!x

   e se encontraram mais algumas vezes ao longo das semanas de férias da garota, mas sozinhos mesmo os dois só ficaram mais uma vez desde aquela noite, então eles não deixaram de aproveitar bastante cada segundo que tinham, como se o tempo deles fosse acabar a qualquer momento.
0
Comente!x

  Enquanto isso, parecia estar travando uma batalha interna entre ficar em Florence, que era o que seu coração pedia desesperadamente, estava se sentindo tão vazia em LA já há algum tempo, tanto que ela nem sabia mais o que era se sentir bem do jeito que vinha se sentido desde que voltou para casa e se reencontrou com o amor de sua vida, mas outro lado lhe dizia que ela precisava voltar se quisesse crescer mais, que o trabalho era importante.
0
Comente!x

  Depois de longos dias se torturando por causa disso, resolveu tomar a decisão que lhe parecia óbvia desde o começo, mas que a garota não quis enxergar: iria seguir seu coração!
0
Comente!x

  Antes de conversar com seus pais sobre isso, ligou para a sua assessora para poderem traçar uma estratégia onde a carreira de iria continuar tão boa quanto em LA. Com isso resolvido, a próxima etapa era conversar com seus pais, e nem é necessário dizer que eles ficaram radiantes que a filhinha deles estava voltando para casa.
0
Comente!x

  Por fim, chegou a hora de conversar com . O rapaz quase nem acreditava que havia pedido para se encontrar com ele, não sabia o que ganhava: sua ansiedade para encontrar com ela ou o medo que ela estivesse o chamando para dizer que estava indo embora e que ele não iria mais vê-la, mas, mesmo assim, quando a hora chegou, ele colocou sua melhor roupa, porque iria se encontrar com uma pessoa famosa, afinal de contas e se encaminhou para a praça, onde viu que já o esperava.
0
Comente!x

  Se cumprimentaram e percebeu que estava tão nervoso que até tremia um pouquinho, achou aquela situação engraçada, porque normalmente era o contrário que acontecia.
0
Comente!x

  - , acho que precisamos conversar, né? Sei que venho evitando de ter essa conversa, mas agora não tem mais como, porque eu meio que fiz uma loucura… – já estava pensando no pior, mas ao ver o sorriso tranquilo de seu coração deu uma acalmada.
0
Comente!x

   então contou sobre tudo o que vinha acontecendo desde os problemas com bebida lá em LA e como estava se sentindo vazia e por isso resolveu ficar de vez em Florence.
0
Comente!x

  - Parece que, mesmo sem saber, estava procurando por um motivo para voltar para casa e acabei o encontrando.
0
Comente!x

  - Mas, , e seu trabalho? Não quero ser a razão de você desistir dos seus sonhos. Não me entenda mal, quero muito que você fique, mais do que tudo nessa vida, mas também quero que você… – não deixou mais continuar com o seu raciocínio.
0
Comente!x

  - , , até parece que você não sabe que meu trabalho pode ser feito tanto de LA, quanto de Florence, quanto do outro lado do mundo, além disso, nada impede de eu viajar para LA se precisar, não é? – Antes dela terminar, o sorriso de já dominava sua expressão e, por consequência, a de também.
0
Comente!x

  - Você está falando sério? Vai mesmo ficar aqui? Comigo? – não conseguia parar de rir, feliz demais que sua iria voltar para ele, mesmo depois de tantos anos teria sua garota de volta.
0
Comente!x

   estava achando tudo aquilo muito fofo, o seu ex – que agora seria atual – namorado rindo igual a uma criança só porque ela voltaria para Florence! Mas também não poderia julgá-lo, estava igualmente feliz.
0
Comente!x

  Mais tarde, a noticia que os dois estavam juntos novamente deixou as famílias muito felizes e, por falar em felicidade, a do casal não poderia estar maior, agora tinha tudo o que sempre quis, seu trabalho, que ela amava, e também o amor da sua vida. então nem se fala, também tinha tudo o que queria e a vida não poderia estar melhor.
0
Comente!x

Fim

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

You cannot copy content of this page

0
Would love your thoughts, please comment.x