Plastic

Escrito por Magic | Revisada por Jubs


« Anterior


Capítulo Único

Eu cresci com a minha mãe dizendo que devíamos ser uma família perfeita. Não use vestido curto demais, guarde todas suas bonecas, não brigue com seu irmão, aceite tudo que teu pai impor, não demonstre que está triste, somos uma família feliz e perfeita ok? Não.
A minha família está longe de ser feliz e perfeita, meu pai chega bêbado em casa quase todas as noites, minha mãe apanha e ele acaba brigando comigo e com meu irmão quando tentamos intervir, eu tenho 15 anos e tem 17. Me chamo .
Desde que eu era pequena isso acontece na minha casa, mas somos todos bonecos, temos que nos comportar muito bem, imagine se os vizinhos descobrem que não somos a família que aparentamos? Que absurdo!

Hey, girl, open the walls
Play with your dolls
We'll be a perfect Family

Minha mãe frequenta um grupo, algumas mulheres do subúrbio que criaram, lá todas são felizes, contam como são gratas pela família que tem. A verdade é que nem todo mundo ali tem a família perfeita, aliás, ninguém tem. Mas todas tem que falar que sim, são bonecas, cada vez mais manipuladas, ninguém pode sofrer, ninguém pode saber que você sofre, vai para o quarto, chore lá, não aqui.
When you walk away
It's when we really play
You don't hear me when I say

Meu marido me trai, meu filho está se drogando... Como está sua família? Minha família? Perfeita, nos damos super bem. Feche as janelas, não podem nos ver brigando na cozinha, isso seria péssimo pra nossa reputação.
- QUE REPUTAÇÃO MÃE? – grito a todos pulmões. Eu estou cansada de ser essa bonequinha que criaram.
- Não grite – minha mãe me olha calmamente – já para o quarto, ouviu?
Mom, please, wake up
Dad's with a slut
And your son is smoking cannabis
No one ever listens
This wallpaper glistens
Don't let them see what goes down in the kitchen

- Foto de família – minha mãe grita da sala. Que família?
Todos arrumados, com roupas de bonecos, feita por medida, sorriso na cara, cara de plástico, não deixem que olhem pelas cortinas, somos perfeitos. Não deixem que decifrem nossos sorrisos falsos ou nossos olhares desesperados. Bonecos de plástico, família de plástico.
Places, places, get in your places
Throw on your dress and put on your doll faces
Everyone thinks that we're perfect
Please don't let them look through the curtains

- Não brigue com seu irmão, vocês tem que ser amigos. – minha mãe diz separando uma briga mais uma vez, ela está com hematomas roxos em seus braços e pescoço, como está indo para reunião e fingindo que isso é ser uma família feliz?
Seja uma boa garota, não brigue com seu irmão, você tem que ser uma boa irmã, assim vai ser uma boa mãe. Mas quem disse que eu quero ser mãe?
- Como assim não quer ser mãe? Toda mulher nasce para ser mãe! – minha mãe diz frustrada. Como se não tivesse me criado bem o suficiente.
- Eu não nasci pra isso. Eu não vou ser mãe – subo as escadas.
- Se for chorar, feche as cortinas – minha mãe grita.
Claro, não quer destruir a família perfeita, que família perfeita tem uma filha que chora?
Picture, picture, smile for the Picture
Pose with your brother
Won't you be a good sister?
Everyone thinks that we're perfect
Please don't let them look through the curtains

Um velório. De uma menina de plástico. Uma boneca no caixão. Pobre Megan... Tão nova. Não foi uma boa filha, não foi uma boa irmã, você estragou nossa família perfeita! Que família perfeita tem uma filha que é suicida? Não te criei assim. Eu disse, tínhamos que ser perfeitos! Bonecos, de plástico.
D-O-L-L-H-O-U-S-E
I see things that nobody else sees
D-O-L-L-H-O-U-S-E
I see things that nobody else sees

Fim

Comentários da autora