Posted by on 24/04/2017

Salted Wound {Outros, Restrita, Finalizada}

Nota: (4,9 / 5)

ASPECTOS POSITIVOS: Começando com a sinopse, ela foi muito bem construída e já serve como porta de entrada da história, nos dando todo o contexto necessário antes de começarmos a lê-la.
Logo no primeiro capítulo já é possível perceber que a história é muito bem ambientada pelas descrições que a autora faz, tanto dos cenários quanto dos personagens e sentimentos deles. Aliás, esse foi um ponto positivo dos grandes, pois tudo é tão bem descrito que parece que estamos vivendo a história.
Todos os personagens são muito bem construídos e agem de acordo com a realidade em que estão inseridos, todos eles, desde os personagens principais quanto os secundários.
Um ponto que achei muito interessante foi o modo mais formal que alguns personagens usam em suas falas e achei muito legal da autora ter pensado nisso, pois esse fato conseguiu trazer uma veracidade impressionante à descrição e ambientalização tanto dos personagens quanto a cidade onde se passa a trama.
Apesar de ser uma shortfic, a história é bastante grande, mas em nenhum momento se torna cansativa e arrastada, então posso afirmar que ela flui de maneira onde tudo é equilibrado e está na dose certa, nada muito exagerado ou de menos.
Arrisco a dizer, também, que a cena ápice da história foi escrita com cuidado o suficiente para não ficar nenhuma brecha ou pontas soltas e a tensão para essa cena, que foi construída ao longo dos capítulos, mesmo que inconscientemente, não foi em vão e esse, eu diria, é um dos pontos altos que considerei nessa leitura.
A cena restrita foi escrita com perfeição e considero isso bastante difícil de se conseguir, pois é muito difícil passar todas as emoções que queremos nesse tipo de cena e mais difícil ainda é querer passar alguma emoção ao leitor em cenas restritas e a autora consegue isso sem muitos problemas.
No final, achei que podemos tirar uma mensagem bonita sobre o amor disso tudo que acontece com os personagens e a achei válida, apesar dos pesares que eles passam.
Por fim, a gramática está muito boa, o que só faz por enriquecer a história e a autora está de parabéns!

ASPECTOS NEGATIVOS E COMO MELHORÁ-LAS: A única coisa que queria pontuar aqui é a falta de algumas virgulas, principalmente antes dos vocativos, seria interessante que a autora desse uma atençãozinha maior a esses detalhes, mas não é nada que atrapalhe muito a leitura.
Não pontuei isso, mas acho interessante deixar a autora ciente porque isso sim acaba atrapalhando um pouco a leitura; no fim do capítulo 03 em diante tem um erro de codificação que deixou a história toda em negrito, então seria interessante dar uma conversada com a beta para que ela possa arrumar!

MENSAGEM: Jullya, amei sua história, você escreve maravilhosamente bem, meus infinitos parabéns! O tema que você escolheu nunca é fácil de trabalhar, mas, mesmo assim, você conseguiu e o resultado não poderia ser outro além dessa trama incrivelmente elaborada e ao mesmo tempo tão curtinha.
Só fica a observação da virgula, se você tiver interesse, o site tem uma coluna ótima que pode te ajudar na questão do vocativo ou outras dúvidas sobre a virgula que você possa ter. Vale a pena dar uma olhada para aperfeiçoar ainda mais a sua escrita, que já é excelente!

– Crítica por: Tina H.

O site possui a permissão do autor em elaborar postar todas as críticas divulgadas em nosso domínio.
Leia outras críticas aqui.

Posted in: Críticas
Tags:

Comments

Be the first to comment.

Leave a Reply

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*