Posted by on 17/01/2017

Você tem uma incrível ideia para uma história, estava indo tudo bem até que você precisa de um nome. Que nome dar a esse personagem? Que nome colocar para esse lugar? Vamos encontrar maneiras de acabar logo com essas dúvidas e evitar um futuro bloqueio criativo.

1. Personagens: São tantos nomes por aí, desde os existentes até aqueles que inventamos… Bom, vamos primeiro analisar todo o nosso enredo: A história se passa em que época? Personalidade da personagem, estamos em outro mundo? Entre outras perguntas que caracterizam sua história e que podem nos ajudar na hora da escolha dos nomes. Uma super dica é dar uma olhada naqueles sites de significados dos nomes, geralmente lá existe uma lista de nomes relativamente grande e o melhor, da para ver se o significado do nome combina com seu personagem!

Nomes para histórias que se passam em outras década/século: Aqui vão algumas sugestões de nomes antigos: Álvaro, Mariano, Rui, Rodolfo, Saulo, Celina, Dinah, Glória, Verônica…

Histórias de fantasias: Nomes diferentes e com algum significado diferente: Winda (Este é mais um nome feminino de origem suaíli, e significa “a caçadora”. Muitas mulheres fortes da cultura africana carregaram este nome.), Zaki (É um nome masculino de origem ganesa e que quer dizer “aquele que tem a proeza de um leão”.), Niara (É outro nome feminino de origem suaíli, que quer dizer “aquela que tem grandes propósitos”), Makini (Nome de origem suaíli, cujo significado é “aquela que é calma e serena”), Eni (Significa “cheia de graça”, “graciosa”. Eni tem origem finlandesa.).

Histórias futurísticas: Nesse tipo de história é bem comum colocar nomes em homenagem a algo (artista, país, continente…) antigo. Algumas sugestões: Elvis, Freddie, Marilyn, Paris, América, Europa, Ásia…

Histórias comuns: Há várias opções, desde traduzir algum nome para o inglês/espanhol/alemão…: Arco-íris – Rainbow Até usar os nomes mais comuns tanto brasileiros/ingleses…: Anna, Bianca, Daniela, Maria, Júlia, João, Pedro, Matheus, Charles, Andrew, Wesley…

2. Lugares: Há momentos que nossa criatividade encontra lugares ainda desconhecidos, precisamos batiza-lo então. Mas, com que nome? Primeiro pense no clima, depois procure lugares “desconhecidos” com esse mesmo clima. Ex: Procure: Lugares desconhecidos que nevam ou que tenha praia ou que tenha um clima mais ameno. Dentre os resultados vê o que mais se parece com seu lugar fictício e use o nome verdadeiro. O verdadeiro? Isso mesmo, a partir do momento que procuramos lugares desconhecidos não vamos encontrar nomes muitos famosos. Não aparecerá que em Nova Iorque neva, aparecerá uma cidadezinha na Noruega, por exemplo…

Para lugares fantasiosos: Traduzir nomes é a melhor opção: Cidade de Neve – Snow City, Cidade dos Sonhos – City Of Dreams…

E aí? Conseguiu se decidir? Agora podemos dar continuidade a história e é claro, enviá-la para o site para lermos!

Coluna por Thaís M.

Gostaria que nossa equipe abordasse algum tema de seu interesse? Envie sua sugestão! Clique aqui.

Comments

Be the first to comment.

Leave a Reply

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*