Posted by on 28/12/2016

Segredos da Realeza {McFly, Andamento}

Nota: (2 / 5)

ASPECTOS POSITIVOS: A premissa me encantou e a achei bem interessante apesar de um tanto clichê e batida. Achei a morte dos primeiros capítulos bem apresentada, e achei essa a melhor cena do enredo.

ASPECTOS NEGATIVOS E COMO MELHORÁ-LAS: Um dos primeiros pontos fracos foi o prólogo, que é igual a sinopse apresentada no site… O intuito do prólogo é você apresentar algo diferente, algo que apresente a história, se você coloca um prólogo igual a sinopse ele fica sem função, já que já lemos isso antes. Ele é curto também, você poderia colocar toda a explicação que faz no capítulo um como o prólogo, faria mais sentido do que apenas duas frases que não vão a lugar algum.
A escrita até tende a ser interessante, porém os excessos de pontuação em lugares inadequados te fazem perder um pouco do encanto com o enredo, além dos vários erros de ortografia e a repetição de palavras, que ocorrem muito.
Ainda na parte da gramática, quando você quer representar uma pessoa gritando você não precisa colocar as palavras em caixa alta, pode apenas colocá-las normalmente e depois do travessão colocar que ela gritou.
Algo que me incomodou foram as várias mudanças de Point of Views em um mesmo capítulo, você, autora, acaba mudando tanto que não realmente explora o que está escrevendo da melhor maneira possível.
Existe falta de realidade no que está sendo escrito como, por exemplo, quando ela fala “com meu vestido todo molhado pelas lágrimas”, isso não realmente aconteceria, o melhor seria falar que ficou com a manga do vestido úmida, o rosto molhado ou algo menos exagerado do que isso.
A falta de coesão é algo bem recorrente na história, como na parte onde crianças com cerca de 8 anos estão falando que reter sentimentos é ruim… Eu tenho primos de oito anos e eles nunca falariam isso, eles pensam em coisas de criança e não pensariam nesse tipo de coisa, quando escrevemos com personagens crianças precisamos ser realistas. Outra coisa com crianças é que com dois anos a autora estava as fazendo falar de forma caricata enquanto, quando elas crescem alguns anos elas já falam sobre seus sentimentos… Tratar personagens crianças é algo difícil, contudo você não precisa colocar eles falando de maneira errada, quando você descreve a personagem e a apresenta como criança os leitores já entendem que ela não consegue formular frases corretamente então você poderia apenas coloca-las falando de maneira simples, não de maneira errada.

MENSAGEM: Autora, você tem muitos aspectos para melhorar, a premissa do enredo é interessante, porém a execução tem muitas falhas e é necessário a revisão da história. Vou deixar alguns links de umas colunas da equipe do site – que são ótimas – para você dar uma olhadinha, tenho certeza que elas vão te ajudar bastante a conseguir corrigir os erros que eu encontrei e mostrei nessa crítica, todas elas são bem interessantes e curtinhas, sugiro que as leia, pois nos ajudam a escrever melhor nossa história.
Não fique desanimada com a nota baixa, sempre tem como arrumar os erros e tornar sua fic mais cativante e interessante.
Colunas: Prefácio, prólogo, epílogo e posfácio;
O que vem depois do travessão;
Tá, mais que ponto de vista eu uso?

– Crítica por: Quione Rodriguez

O site possui a permissão do autor em elaborar postar todas as críticas divulgadas em nosso domínio.
Leia outras críticas aqui.

Comments

Be the first to comment.

Leave a Reply

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*