Posted by on 04/07/2016

I’ll Be There For You, Baby! {One Direction, Andamento}

Nota: (2,8 / 5)

ASPECTOS POSITIVOS: PEu acredito que uma boa sinopse é o suficiente para fazer com que eu compre um livro ou favorito uma história para ler. A sinopse de I’ll Be There For You, Baby! foi uma das que mais gostei. Ela traz um sentimento de animação sobre o que aconteceu no caminho do casal até chegar ali. Às vezes, começar pelo fim é uma escolha positiva, como foi este o caso.
Gostei muito da personalidade de algumas personagens; as narrações eram feitas de modo que um adolescente provavelmente compreenderia, principalmente a questão do “ser ou não ser”. Muitos das leitoras de One Direction estão passando por essa mesma fase, então a história acaba tornando-se ainda mais divertida de ler.
Outro ponto positivo é que a autora possui uma grande responsabilidade com as atualizações, realizando-as com uma boa frequência.

ASPECTOS NEGATIVOS E COMO MELHORÁ-LAS: Se a escolha da narração foi certa, o modo como ela foi aproveitada acabou sendo errada. Não sou a melhor pessoa para analisar histórias com muitos POVs (pontos de vista), pois não gosto deste tipo de narração por achar que as personagens são muito iguais no modo de narrar, ou desnecessário ler três, quatro opiniões, sendo que só queria saber aquela relacionada a mim na história. Além disso, colocar somente o apelido da personagem não foi uma boa ideia; colocar o famoso – e muito utilizado – Fulana POV seria bem mais organizado e menos confuso. Toda vez que o contexto mudava por causa da alteração da narração do personagem, eu tinha de retornar e ler mais uma vez para compreender a mudança. Achei que o Prólogo criou uma expectativa positiva que não foi mantida nos capítulos seguintes, já que no prólogo havia o ponto de vista de somente uma das personagens.
A pontuação foi um quesito muito negativo na história. A falta do uso da vírgula e a necessidade do ponto final ou ponto e vírgula no lugar da vírgula foram tremendas no desenvolvimento de uma boa coerência.
Sei que na maioria das vezes a fanfic é escrita por uma autora que possui amigas com seus favoritos, formando um grupo gostoso de discussão e ideias florescendo a cada minuto, contudo, se a história retrata sobre uma personagem, torna-se desnecessário o POV das demais. A sinopse marcava claramente que o enredo era sobre Louis e a personagem parceira dele e, de fato, a história girou bastante em torno dos dois; o problema foi que os demais casos acabaram tornando-se superficiais.

MENSAGEM: Autora, já li muitas fanfics de One Direction e a sua possui um dos enredos mais interessantes que já vi! Sei que a nota pode ser desanimador, mas gostaria que visse como um ponto positivo para seu desenvolvimento como autora! Gostaria que desse atenção à escolha do foco da história – é mais gostoso ler uma fanfic em que eu e meu favorito sejamos a prioridade, não dar de cara com minha amiga e o favorito dela. A inserção de muitos POVs exige mais complexidade no enredo e mais atenção na divisão de cenas de cada um, além da relação entre eles. Seria muito mais interessante ler sobre o que a sinopse – que foi muito boa! – aborda, que seria sobre Louis e a parceira dele, e o mundo em que os dois vivem; ou o caminho que perseguiram até chegarem ali. Eu não sou Tomlinson, mas fiquei animada, porque a construção da sua sinopse foi bem legal!
Para finalizar, atente-se ao uso da pontuação, ok?
Muito sucesso! Continuarei acompanhando a história até o fim!

– Crítica por: Jess Manis

O site possui a permissão do autor em elaborar postar todas as críticas divulgadas em nosso domínio.
Leia outras críticas aqui.

Posted in: Críticas
Tags:

Comments

  1. Tatahh Moraes
    10/10/2016

    Leave a Reply

    Já li a história e realmente concordo com a crítica da Jess. Amo histórias com vários P.O.V’s, mas algumas vezes fica confuso e a divisão muitas vezes não é muito justa comparada ao número de personagens “principais”. Vou continuar acompanhando de qualquer forma…

Leave a Reply

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*